COLUNA BORIS FELDMAN

É a segurança, estúpido!

Você tem um automóvel com o moderno sistema Isofix, mas não pode comprar a cadeirinha para seu filho no Brasil, pois nossas lojas não podem vendê-la

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 13/04/2013 17:06 / atualizado em 13/04/2013 17:15 Boris Feldman /Estado de Minas
O HB 20 se tornou o queridinho do Brasil. Foi lançado em outubro de 2012 na fábrica que a Hyundai construiu em Piracicaba (SP). Suas vendas dispararam e o compacto já emplacou o quarto lugar no ranking dos mais vendidos no Brasil, atrás apenas do VW Gol e dos Fiat Uno e Palio.

Mas o queridinho acaba de sofrer um revés: submetido ao crash test, o HB 20 protegeu com relativa eficiência motorista e passageiros (três estrelas de cinco possíveis). Mas tomou bomba em relação às crianças no banco traseiro (apenas uma estrela). Os pequenos bonecos (dummies) colocados atrás indicaram que elas sofreriam lesões no caso de um acidente.

A culpa, entretanto, não é do carro, mas da negligência e do desinteresse do governo brasileiro ao tratar da segurança veicular. Como assim? A presidente Dilma virou saco de pancada? Ela tem culpa também de o Hyundai HB20 ser inseguro para crianças? Tem.

Os crash tests são feitos com pequenos bonecos que simulam crianças presas nas cadeirinhas específicas, que são de dois tipos: umas fixadas no banco traseiro pelo cinto de segurança, outras pelo sistema Isofix, engatadas na estrutura do banco. No caso de um acidente, as cadeirinhas presas ao cinto de segurança podem se movimentar para frente pelas forças inerciais decorrentes da velocidade do carro. Ao contrário, se estiverem firmemente engatadas na estrutura do banco, não se movem um milímetro.

Vários automóveis disponíveis no nosso mercado já oferecem o moderno sistema Isofix, um verdadeiro ovo de colombo: nada além de uma espécie de argola soldada na estrutura do banco traseiro. Entretanto, as cadeirinhas Isofix não podem ser comercializadas no Brasil, pois não foram certificadas pelo Inmetro. Nada proíbe sua utilização: se você comprá-la nos EUA ou na Europa, pode trazer e instalar no seu automóvel. Mas nossas lojas só podem comercializar as homologadas.

E o Hyundai HB20? Ele sai da fábrica de Piracicaba já dotado do sistema Isofix. Entretanto, para a realização do crash test, os coreanos tiveram que instalar as tais cadeirinhas que se dependuram nos cintos, pois a regulamentação do teste exige equipamentos homologados e comercializados no país.

Resumo da ópera? Você pode ter um automóvel com o sistema Isofix, mas não encontra a cadeirinha para comprar aqui, pois o governo brasileiro ainda não certificou o equipamento, o que impede sua venda no país. Para proteger de verdade seus filhos, tem que trazê-lo de Miami, o que pode ser feito legalmente, pois sua utilização não é proibida, apenas a comercialização.
Aberrações de um país que só se preocupa com a segurança do cidadão se estimulado por lobistas de empresas interessadas em adensar seu faturamento.
Encontre seu veículo

Outros artigos

ver todas
24 de agosto de 2014
26 de dezembro de 2013
23 de dezembro de 2013
04 de novembro de 2013
21 de setembro de 2013

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação