Traxx Joto JH 125 - Chinesa parente

Recheado de equipamentos, modelo street tem mecânica robusta e visual que mescla esportividade e excentricidade. Motor tem 133 cm³ de cilindrada e 13,1 cv de potência

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 27/08/2008 17:00 Téo Mascarenhas /Estado de Minas
Destaque no visual é o conjunto óptico dianteiro, tipicamente asiático - Fotos: Jialing/Traxx/Divulgação Destaque no visual é o conjunto óptico dianteiro, tipicamente asiático
A marca Traxx é o nome comercial adotado no Brasil para as motocicletas chinesas Jialing, que por sua vez pertence ao conglomerado China South Industry Corporation Group (CSICG), composto por 76 empresas. Há outras marcas de motos do grupo, como Jianshe, Dayang e Qinqi, que também fornecem seus produtos para o mercado brasileiro, em uma verdadeira salada, que explica em parte a incrível semelhança entre alguns modelos asiáticos.

A diferença da Traxx é que, tem fábrica própria em Manaus, com área total de 53.700 m², sede administrativa e distribuição de peças em Fortaleza, Ceará, e uma linha de modelos adaptada para o mercado nacional. O último lançamento é o modelo Joto JH 125, mostrado em 2007 durante o Salão das Duas Rodas (realizado em São Paulo, em outubro do ano passado), inicialmente importado e agora produzido em Manaus. A nova Joto JH 125 é uma street bastante equipada.

Início
A Jialing já esteve presente no mercado nacional antes da invasão amarela, mas se retirou, para voltar reestruturada com o nome Traxx. A tecnologia, entretanto, continua japonesa da Honda, só que com algumas gerações de atraso, o que também explica o visual defasado de alguns modelos e o JH do nome. J de Jialing e H de Honda. A nova Joto JH 125, por exemplo, usa motor semelhante ao da antiga Honda ML 125 dos anos 1980, só que aumentado para 133 cm³.
O painel é completo, inclusive com indicador de marcha engatada - O painel é completo, inclusive com indicador de marcha engatada

O motor de um cilindro, do tipo quatro tempos, tem refrigeração a ar e é estrategicamente apresentado como 125 cm³, quando tem na verdade 133 cm³. O aumento na cilindrada proporciona maior potência e torque, além da sensação de uma 125 cm³ mais forte, sem comprometer a robustez e economia. O propulsor desenvolve 13,1 cv a 8.000 rpm e torque de 1,07 kgfm a 6.500 rpm. Números que a credenciam para rodar no trânsito do dia-a-dia, sua verdadeira praia, com eficiência e rapidez.

Equipamentos
Para a tarefa de encarar as ruas e os deslocamentos urbanos, a nova Traxx Joto JH 125 conta com partida elétrica, rodas em liga leve de aros 18 polegadas, freio a disco na roda dianteira, suspensão traseira do tipo mono (um só amortecedor), com 90mm de curso, suspensão dianteira telescópica (Showa), com 135mm de curso, semiguidões de alumínio (mais esportivos) e painel completo, com dois hodômetros, velocímetro, indicador de marcha engatada, conta-giros e indicador de nível de combustível.

O modelo nacional substituiu o indicador de tensão da bateria pelo mostrador de nível de combustível, mais usado aqui. As pedaleiras do passageiro são fixadas no quadro, para aumentar o conforto. No visual, o destaque é para o conjunto óptico dianteiro, com farol embutido em uma minicarenagem, estilo Jaspion. Na traseira, rabeta integrada às laterais e ao farolete. O banco tem dois níveis, o câmbio é de cinco marchas e o peso a seco é de 120kg. A Joto JH 125 tem preço sugerido de R$ 5.499. Informações na Motoby: (31) 3115-5050.

Veículos

Encontre seu veículo

Ultimas Notícias

ver todas
17 de outubro de 2017
09 de outubro de 2017

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação