Brinde aos oito canecos

Ford comemora este mês 75 anos do modelo Little Deuce Coupe, de 1932, carro de chassi leve e equipado com primeiro motor V8 produzido em larga escala

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 07/08/2007 09:54 Caderno de Veículos /Estado de Minas
Até hoje, cupê é um dos preferidos dos preparadores de hot rods - Fotos: Reproduções da internet streetrodderweb Até hoje, cupê é um dos preferidos dos preparadores de hot rods
De quinta-feira a domingo, a cidade de Dearborn, em Michigan (EUA), vai parar para ver as comemorações do 75º aniversário do Ford Little Deuce Coupe. O modelo, lançado em 1932, foi um ícone na história da indústria automobilística e atualmente é disputado por colecionadores e restauradores. Mas o que esse Ford tinha de tão especial? Foi o primeiro modelo compacto e leve da marca a receber motor V8, possibilitando que a grande massa trabalhadora tivesse acesso a um automóvel mais potente. Na época, custava menos de US$ 500.

Em plena recessão, início dos anos 30, Henry Ford resolveu produzir um carro pequeno com motor V8, que até então era mais comum nos modelos esportivos. Com 65cv de potência, esse propulsor tinha uma característica interessante para a época: era fundido em peça única, o que eliminava algumas etapas do processo de fabricação. Os motores de oito cilindros mais usados nas décadas de 20 e 30 eram em linha. Com a disposição em V, a Ford conseguiu reduzir o volume do motor e, conseqüentemente, diminuiu as vibrações.

Apesar de apresentar alguns problemas de refrigeração e lubrificação, o V8 da Ford tornou-se o motor mais usado no mundo. O chassi do novo veículo derivava do modelo A e as linhas de ambos eram parecidas. Em 1932, a Ford produziu os modelos 18 V8 e o B, que usava o mesmo chassi, porém com motor quatro cilindros. Ambos eram vendidos com 14 tipos de carroceria e a linha recebeu o nome de Deuce.

Propulsor V8 <b>(acima)</b> proporcionava desempenho esportivo para o modelo Ford. Painel mantém instrumentos originais e volante com aro cromado - Propulsor V8 (acima) proporcionava desempenho esportivo para o modelo Ford. Painel mantém instrumentos originais e volante com aro cromado
Envenenado
O preço baixo era um atrativo no novo Ford, mas a crise financeira que assolava os Estados Unidos não permitiu que o modelo se transformasse em sucesso de vendas. Apesar disso,milhares de unidades foram comercializadas e, anos depois, o Ford Deuce passou a ser cobiçado no mercado de usados, pois seu motor V8 podia ser facilmente modificado para gerar mais potência. O modelo tornou-se o preferido dos especialistas em envenenar automóveis.

Os amantes de carros potentes logo descobriram que o motor original de 65cv, que atingia 120km/h, podia chegar aos 210km/h. Por esse motivo, o carro passou a fazer sucesso nas pistas e com ele muitos pilotos venceram vários tipos de provas. O desempenho do Ford V8 foi elogiado até pela dupla criminosa Bonnie e Clyde, que registrou em carta: “Com velocidade constante e ausência de problemas, a Ford superou todos os outros carros”.

O cupê feito em 1932, que ficou conhecido como Little Deuce Coupe, tinha além do motor V8 câmbio de três marchas. O modelo foi imortalizado em vários filmes e em músicas, como no álbum Little Deuce Coupe, dos Beach Boys, de 1963, no qual a temática era basicamente os carros hot rod.
Encontre seu veículo

Últimas notícias

ver todas
20 de outubro de 2016
26 de agosto de 2016

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação