Brazil Classics Fiat Show 2010 - Movidos pela paixão

Apaixonados por automóveis antigos levaram para Araxá modelos tão raros e valiosos que o evento, patrocinado pela Fiat, foi incluído entre os melhores encontros do mundo

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 09/06/2010 11:44 Boris Feldman /Estado de Minas
Mercedes-Benz 540K Special Roadster 1936 levou o Mercedes-Benz 540K Special Roadster 1936 levou o "Best Show", à frente de outras duas Flechas de Prata: 380K 1933 (E) e a 320 Manheim 1938
Araxá, Minas Gerais - Entre os vários gringos presentes em Araxá, no feriadão de Corpus Christi, um apaixonado colecionador norte-americano, espantado com as raridades expostas, seu estado de conservação e a qualidade de restauração, comentou que o Brazil Classics Fiat Show poderia estar na Califórnia ou Flórida (EUA), na Inglaterra ou Itália, onde acontecem os melhores eventos de automóveis antigos.

Também, pudera: modelos raros no mundo, como uma Mercedes 540 K Special Roadster, de 1937, e uma Ferrari Superfast 500, de 1967 (apenas 36 unidades fabricadas), estavam defronte ao imponente Tauá Grande Hotel de Araxá. Mais adiante, um dos mais belos Rolls-Royces já produzidos, o Phantom II Town Car, de 1933. Ainda entre os destaques, um Aston Martin DB6, de 1967, que deixaria feliz James Bond...

Veja a galeria completa das raridades que fizeram sucesso em Araxá!

Não menos importante que a Mercedes 540 K (eleita "Best of Show"), outras duas "Flechas de Prata" também da década de 1930: a 380 K, de 1933; e a 320 Manheim, de 1938. E outras nobres representantes da marca da estrela de três pontas: duas 300 SL (Asa de Gaivota e Roadster), três da série 300 S, da década de 1950 (sedã "Adenauer" conversível, cabriolet e roadster), e uma "Ponton" 220 S conversível - acompanhe a restauração deste modelo no vídeo abaixo).



E muitos outros Mercedes-Benz, Jaguares, Rolls-Royces entre os cerca de 300 antigos expostos no encontro organizado a cada dois anos pelo Veteran Car Club de Minas Gerais.

MÁQUINAS

As mais importantes máquinas italianas não faltaram no evento: além de muitas Ferraris das décadas de 1950, 1960 e 1970, outras que se destacaram foram as Lamborghinis Miura (1969), Urraco (1976) e 400 GT 2 2 (1967). A Maserati também esteve presente com uma Ghibli de 1971.

A imponência dos Cadillac V8 1916 (C) e V12 1937 (D), do Packard Dietrich 1933 e do Grand Hotel - A imponência dos Cadillac V8 1916 (C) e V12 1937 (D), do Packard Dietrich 1933 e do Grand Hotel


Entre os americanos, além de Mustang, Thunderbird, Chevrolet, Chrysler e Ford, imponentes Packard e Cadillac das décadas de 1910, 1920 e 1930 combinavam com a arquitetura do Grande Hotel de Araxá. Da famosa, mas pouco conhecida, marca norte-americana Cord, dois modelos 810, de 1936 e 1937.

Leia a segunda parte da matéria sobre Araxá.
Encontre seu veículo

Últimas notícias

ver todas
20 de outubro de 2016
26 de agosto de 2016

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação