Estado de Minas

Da imaginação para a tinta »

Conheça alguns dos veículos mais legais do universo dos quadrinhos

Seleção mostra os possantes mais bacanas das graphic novels


Marcus Celestino

Publicação: 24/12/2013 10:32 Atualização: 26/12/2013 11:20

Steve McNiven, John Romita Jr., Will Eisner, Walter Simonson e os lendários Jack Kirby e Steve Ditko. Conhece alguns desses nomes? Provavelmente não, né? No entanto, todos eles têm algo em comum: são artistas dos quadrinhos. Astros dos quadrinhos, diga-se de passagem. Em homenagem aos mestres, listamos alguns dos veículos mais bacanas presentes no universo das graphic novels. Para fanboys (fãzocas) de plantão, um alerta: não citaremos quaisquer modelos clichês do universo do Cavaleiro das Trevas, certo? O Batman tem tantos possantes legais que seria injusto com a concorrência.

 (Wired.com /Reprodução da Internet)
INFERNAL


Nos péssimos filmes estrelados por Nicolas Cage, ela é uma Yamaha V-Max, mas Johnny Blaze, como bom motoqueiro, jamais permitiria trocar uma nipônica por uma Harley. A Chopper é a musa inspiradora da Hell Cycle, a duas rodas infernal do Motoqueiro Fantasma. Nada de discordar que ela é espetacular, senão você terá que “se preparar para conhecer o verdadeiro significado da palavra ‘inferno’”!










 (Marvel.com /Reprodução da Internet)
SEM BOLEIRAGEM


“E se o Batman fosse o Coringa?” Bem, a pergunta é respondida com Nemesis, o supervilão criado por Mark Millar (olha o autor da “Guerra Civil Marvel” aí de novo). O cara é um total lunático, porém é dono de todas as características que fazem do homem-morcego o mestre das táticas de combate. O cara é tão legal, mas tão legal, que guia um Audi R8 estilosão. Quer mais? Uma moto sai do carango. Semelhanças com o Cavaleiro das Trevas? Sim, claro, mas ao avesso. É como o próprio Nemesis diria: “O crime é fantástico e eu também”.








VERMELHÃO

 (Empireonline.com/Reprodução da Internet)

Do proeminente autor Mark Millar e com ilustrações de John Romita Jr., Kick-ass conta a história do adolescente normal, sem poderes, perdedor e que tem uma vontade incontrolável de tornar-se um super-herói. De maneira tortuosa, Dave Lizewski consegue tal façanha, ganha aliados e até mesmo um inimigo! Nada mal para um jovem que nem sequer dispõe de uma origem interessante, com pais mortos de maneira brutal ou se tornando cego por ter “trombado” em um caminhão de lixo tóxico. O inimigo de Dave é o nerd Chris Genovese, que atende pela alcunha de Red Mist e dirige por aí com seu Mustang vermelho modificado, o Mist Mobile. Na adaptação para o cinema, a GAS fez um preparadão invocadíssimo.

FURIOSO
 (Marvel/Reprodução da Internet)

A S.H.I.E.L.D., superagência de espionagem do universo Marvel, dispõe de uma gama deveras interessante de veículos voadores no maior estilo James Bond. Claro que o diretor da corporação, o “tapa-olhos” Nick Fury, teria que possuir o melhor possante voador de todos. O carrão de Fury originalmente era um Porsche 904. Atualmente, o bambambã da agência roda pelos ares com um Boxster. A S.H.I.E.L.D. paga bem, viu?

ROMANTISMO
 (Graton Editeur/Divulgação)

Ah, o romance dos idos tempos da Fórmula-1, que saudades de uma época que não volta mais. Para relembrá-las basta folhear as páginas que contam a história de Michel Vaillant. O personagem que dá nome à série francesa criada em 1957 por Jean Graton enfrenta inúmeros desafios e adversários pilotando seu F1. Ah, o romance…

O MELHOR
 (Videogamemuseum.com /Reprodução da Internet )

Podem me chamar de fanboy, mas nada, nada é mais bonito que o Chrysler Imperial 1966 guiado pelo Besouro Verde, o alter ego do milionário Britt Reid. Além de maravilhoso, o “Black Beauty” é destruidor. Espingardas, lança-chamas, metralhadoras e até mísseis equipam o imponente veículo. O Batmóvel é fichinha perto dessa belezura.

EU E MINHA TÁBUA
 (Marvel/Divulgação)

Não quer guiar um carango usual tampouco um voador? Prefere surfar pelo espaço sideral em altíssima velocidade? Nada melhor então que “dropar” umas ondas com a prancha do Surfista Prateado, relaxando na maresia das galáxias.

RINOCERONTE
 (jalopnik.com /Reprodução da Internet)

A série criada por Robert Velter não é tão conhecida aqui na terra brasilis, mas deveria. Spirou e Fantásio são dois repórteres do jornal Le Moustique que, ao lado do esquilinho Spip, desvendam inúmeros mistérios e se envolvem em altas aventuras. Tirando a descrição ao melhor estilo Sessão da Tarde, os quadrinhos têm realmente histórias sensacionais e alcançaram sucesso mundial, alçando à fama também o personagem Marsupilami. Quanto ao carro? Oras, nada melhor que homenagear os colegas de profissão com a aparição do clássico Turbot-Rhino 1. Baseado no Ford Sabre 150, o modelo é movido por um turbopropulsor. Um rinoceronte de respeito.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro, Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »


ofertas de particular
    ofertas em destaque