Estado de Minas

Cobertura Especial »

Conheça a história do Salão de Detroit

Mostra celebra conquistas e abre o ano para o mercado de automóveis


Portal Vrum

Publicação: 13/01/2014 14:38 Atualização: 13/01/2014 15:12

Mostra é vitrine internacional para lançamentos de carros e novas tecnologias (Naias/Divulgacao)
Mostra é vitrine internacional para lançamentos de carros e novas tecnologias
O frio de Detroit, no norte dos Estados Unidos, dá trégua para o mercado automotivo aquecido quando são abertas as portas do Detroit Auto Show (Naias) a cada ano. O salão, com mais de um século de tradição, é responsável por abrir a temporada de lançamentos do setor e, por isso mesmo, gera uma expectativa enorme nos apaixonados pelo mundo das quatro rodas. A edição 2014 abriu para a imprensa de todo o mundo nesta segunda-feira ( 13) e como todo ano, é visto como uma vitrine mundial para lançamentos e conceitos, com mais de 90 expositores.

 

Veja mais fotos do Salão de Detroit, edição 2013

 

O Salão de Detroit nasceu em 1907, realizado pela Detroit Area Dealer, com a ideia de ser uma mostra regional e a participação de 17 expositores. Apenas em 1987 o evento ganhou âmbito internacional. O mercado já apontava a tendência de crescimento, com a demanda por automóveis em ascensão, e o salão conquistava cada vez mais em popularidade.

Realizado há tantos anos, o Naias acompanhou vários momentos históricos. Inclusive, passou um período sem ser realizado, entre 1941 e 1953, por conta da eclosão da Segunda Guerra Mundial e a proibição do governo dos Estados Unidos de vender automóveis novos. Depois foi retomando a força até entre 1987 e 1988 emergir como uma mostra internacional. Em 2004 alcançou o recorde de lançamentos, com um total de 79 novos carros lançados, sendo 55 revelados pela primeira vez ao mundo.

Em 2008, o salão chegou ao seu auge, com números impressionantes: recebeu mais de 700.000 participantes, mais de 6.000 meios de comunicação internacionais de 63 países e atraiu mais de 37 mil membros da indústria a partir de 2.000 empresas. A partir de 2010, no entanto, o cenário era diferente e o Naias enfrentou junto com os Estados Unidos uma crise econômica, ainda sentida na edição do ano seguinte. A recuperação vem sendo conquistada a cada ano e, demonstrando força, tradição e contando com a confiança da indústria, 2014 promete ser uma mostra de grande festa, com a celebração da 25ª edição com o nome North American International Auto Show (Naias), recheada de lançamentos de carros e também de novas tecnologias.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro, Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »


ofertas de particular
    ofertas em destaque