Salão de Frankfurt - Com menos apetite

Redução da poluição pelo corte do consumo

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 22/09/2007 14:10 Eduardo Aquino /Estado de Minas
O conceito BMW X6 antecipa as linhas do novo utilitário e incorpora o conceito EfficientDynamics - Fotos: Eduardo Aquino/Especial para o EM O conceito BMW X6 antecipa as linhas do novo utilitário e incorpora o conceito EfficientDynamics
De Frankfurt, na Alemanha - Para reduzir as emissões de CO2, a maioria das montadoras resolveu optar por tecnologias que reduzem o consumo de combustível, como sistemas híbridos, turbos e motores menores e mais leves.

Peugeot
Apresenta versão híbrida do 308 e anuncia a criação de um selo, o Blue Lion, que será estampado nos modelos ou versões que cumprirem três requisitos. O primeiro é com relação às emissões de CO2: deve ser abaixo de 130 g/km, usando combustível convencional; abaixo de 158g/km, no caso de motores a diesel, com filtros antipartículas e compatíveis com biodiesel B30; ou menos de 200 g/km, para veículos que usam etanol E85 (85% de álcool e 15% de gasolina), gás veicular ou equipado com sistema Stop & Start. O segundo é ser produzido numa fábrica que tenha certificação ISO 14001. O último é ter 95% das peças recicláveis, por peso, no fim do ciclo de durabilidade.
Golf com tecnologia BlueMotion, a diesel, faz 22,2 km/l e emite 119 g/km de CO2  - Golf com tecnologia BlueMotion, a diesel, faz 22,2 km/l e emite 119 g/km de CO2

Porsche
A montadora afirma que a meta de 120 g/km de CO2 é praticamente impossível de cumprir e ameaça entrar com uma ação na Justiça, já que esse limite ainda não foi aprovado oficialmente pela União Européia. Os Porsches atendem aos limites atuais, mas encontrarão dificuldades para atender aos novos limites. O 911, por exemplo, emite 289 g/km.

Renault
Chamada de eco², a linha de veículos ecológicos da marca francesa foi lançada em março deste ano. Para que o modelo receba o 'selo', deve ser produzido em uma fábrica com certificação ISO 14001; não deve emitir mais do que 140 g/km de CO2, ou ser compatível com biocombustível; e ter 95% de seus componentes reaproveitáveis, e, pelo menos, 5% de plásticos recicláveis. Os lançamentos apresentados em Frankfurt, como o novo Laguna (faz 19,6 km/l e emite 136 g/km de CO2), já fazem parte da linha ecológica.

Volkswagen
A montadora já havia lançado, na Europa, três versões com a tecnologia BlueMotion (Polo, Passat e Passat Variant), e apresentou mais seis em Frankfurt. Para atingir os objetivos ecológicos, principalmente de redução de CO2, o pacote tecnológico inclui desde intervenções no software de gerenciamento do motor até o uso de pneus mais leves e otimizados para baixa resistência ao rolamento, passando pela redução do coeficiente de arrasto aerodinâmico. Destaque para o Golf BlueMotion a diesel, que faz 22,2 km/l e apenas 119 g/km de CO2 (na versão original emite 135 g/km). As versões ecológicas são identificadas externamente por uma placa na grade do radiador e na tampa traseira.

(*) O jornalista viajou a convite da Anfavea
Encontre seu veículo

Últimas notícias

ver todas
25 de outubro de 2012

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação