Temperatura - Ar quente no calor

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 16/12/2006 00:41 Caderno de Veículos /Estado de Minas
Se o motor der sinais de que vai ferver, basta ligar o sistema de aquecimento do ar - Marlos Ney Vidal/EM - 29/12/05 Se o motor der sinais de que vai ferver, basta ligar o sistema de aquecimento do ar
Em uma viagem de carro sob temperaturas mais elevadas, o sistema de refrigeração do motor é mais exigido. Por isso, deve estar sempre em ordem para evitar o superaquecimento, que pode pôr fim à viagem de férias.

Superaquecimento

É o desequilíbrio entre o calor produzido pelo motor e a capacidade de absorção pelo sistema de refrigeração. Ou seja, o sistema é responsável por absorver e dissipar o excesso de calor gerado pelo motor.

Saindo do sufoco

Se o motor do carro superaquecer, ou seja, se o ponteirinho da temperatura chegar ao vermelho, existe uma medida paliativa para chegar até um local seguro: basta ligar o sistema de aquecimento com a ventilação forçada no ponto máximo. Dessa forma, a água quente que sai do motor passa a circular também pelo radiador do sistema de ar-condicionado/aquecimento para liberar calor para dentro do habitáculo, saindo com uma temperatura mais baixa para regressar ao bloco do motor, reduzindo as chances de superaquecimento.

Válvula termostática

O componente é responsável pelo controle da temperatura do motor e do sistema de refrigeração. Tem a função de fazer com que o motor alcance o mais rápido possível a temperatura ideal de funcionamento. Alguns mecânicos, por desconhecimento, costumam simplesmente retirar a válvula termostática quando ela emperra. Se isso for feito, o motor vai funcionar abaixo da temperatura ideal, aumentando o desgaste dos componentes móveis, o consumo de combustível e a poluição. O correto é substituí-la.

Cebolão

Se esse dispositivo não estiver comandando a ventoinha (aquele ventilador que fica junto ao radiador), o motor vai superaquecer. A ventoinha deve ser acionada antes que a temperatura suba acima do normal. Também é importante conferir a fiação e os contatos elétricos de comando do cebolão, assim como o motor elétrico de acionamento da ventoinha.

Só água, não!

Os motores mais modernos devem usar no sistema de refrigeração uma mistura de água e aditivo (à base de etilenoglicol), na proporção indicada pelo manual do fabricante do veículo. Esse aditivo aumenta o ponto de ebulição e tem propriedades anti-oxidante e anticongelante. Se a proporção não estiver correta, o motor pode superaquecer em caso de trânsito lento, ar-condicionado ligado, subidas de serra etc.

Perigo

Não abra a tampa do reservatório do sistema de refrigeração com o motor quente, pois o vapor pode causar queimaduras. Se tiver que abrir, faça-o bem devagar, de modo que a pressão interna do sistema caia lentamente.

Óleo refrigera

É muito importante lembrar que o óleo do motor não tem apenas a função de lubrificar, mas também de refrigerar. E essa tarefa se torna fundamental nos motores mais modernos, que operam em temperaturas bem mais elevadas. Portanto, cuide bem do lubrificante, trocando-o de forma correta.
Encontre seu veículo

Últimas notícias

ver todas
10 de janeiro de 2011
18 de dezembro de 2009

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação