Manutenção - Perdendo os tubos

Além de aumentar a poluição sonora, veículo que trafega com escapamento furado ou danificado consome mais combustível. A infração é grave, com multa de R$ 127,69

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 08/12/2007 15:07 Eduardo Aquino /Estado de Minas
Marlos Ney Vidal/EM - 17/3/06
Tem motorista que, mesmo escutando aquele barulho estranho vindo do escapamento, não leva o veículo à oficina para checar o que está acontecendo. Esse condutor precisa saber que, além de incomodar as pessoas com esse ruído irritante, ele também está aumentando seus gastos com combustível e o nível de poluição atmosférica e cometendo infração grave, com perda de pontos no prontuário, pagamento de multa e retenção do veículo para conserto. Saiba como cuidar desse item, para evitar prejuízo e poluição.

Função
O sistema de escapamento serve para retirar os gases queimados, que saem dos cilindros, purificá-los e deixar o barulho do motor dentro do nível de ruído determinado pela lei (máximo de 86 decibéis). Para isso, o conjunto tem abafador e silencioso, duas peças destinadas a reduzir (por meio de materiais absorventes, como lã de vidro ou basalto, ou por choque de ondas sonoras) o barulho; e catalisador, cuja função é purificar por reações químicas os gases poluentes.

Problemas
O primeiro sintoma de que o sistema de escapamento não está funcionando corretamente é a alteração no nível de ruído, caracterizada por sopros de gases, chocalhos no catalisador, som estridente, ressonâncias ao trocar de marchas e batidas no chassi. Mas o motorista também deve ficar atento para perceber quando o veículo está com baixo rendimento (amarrado) ou com consumo de combustível elevado, o que também pode ser sintoma de problemas no escapamento.

O que fazer
Quando o escapamento tem furo externo, é sinal de que os componentes internos já estão comprometidos e a solução é mesmo a troca. Soldar não resolve o problema, pois, como a corrosão ocorre de dentro para fora, isso não será suficiente para fazer com que o fluxo de gases interno seja direcionado de maneira correta. A solda não vai impedir que a taxa de contrapressão seja afetada, o que provoca o aumento do consumo de combustível. Quanto às batidas do escapamento no chassi, basta trocar as presilhas de borracha para resolver o problema. Mas se o componente foi trocado recentemente, o problema pode ser instalação malfeita. Nesse caso, deve-se refazer o serviço.

Gambiarras
Tem mecânico que, devido ao preço elevado, aconselha a retirada do catalisador, ao término da sua durabilidade, pondo no local apenas uma ‘marmita’ oca. De acordo com Valdecir Rebelatto, gerente de engenharia e qualidade da Mastra, empresa fabricante de catalisador, a retirada do componente, além de aumentar o nível de emissões de poluentes, também eleva o consumo de combustível em até 12%, e pode provocar danos no motor. "Sem o catalisador, a contrapressão fica liberada e aumenta muito a velocidade dos gases, trazendo um pouco do óleo que fica na camisa dos cilindros. Isso eleva o consumo de óleo, o que pode baixar demais o nível e comprometer a saúde do motor", explica Valdecir.

Multa
Pelo Código de Trânsito Brasileiro, o motorista que roda com o escapamento do carro soltando fumaça ou gases, livre, silencioso defeituoso ou inoperante, está cometendo infração grave, com multa de R$ 127,69, perda de cinco pontos no prontuário e retenção do veículo. Se o veículo estiver com todos esses problemas juntos, o motorista comete duas infrações distintas, com prejuízo dobrado (R$ 255,38 e 10 pontos no prontuário), além da retenção do carro.

Quanto custa o escapamento (*)
Modelos Preços (R$)
Chevrolet Celta 1.0 1.072
Fiat Palio Fire 1.0 1.018,94
Ford Fiesta 1.0 961
Peugeot 206 1.4 2.936
Renault Clio 1.0 16V 1.406,95
VW Gol City 1.0 1.017

(*) Preço de todo o conjunto, incluindo tubo dianteiro, catalisador e silenciosos intermediário e traseiro, sem instalação. Concessionárias consultadas: Renault BH France, Peugeot Bordeaux, Garra VW, Chevrolet Lider-BH, Ford Pisa e Fiat Strada.
Encontre seu veículo

Últimas notícias

ver todas
10 de janeiro de 2011
18 de dezembro de 2009

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação