Dicas de viagem - Para não sambar na estrada

O carnaval começa sábado, mas ainda há tempo de conferir se seu carro está em condições para enfrentar as precárias estradas brasileiras. Álcool, só no tanque

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 18/02/2009 16:05 Caderno de Veículos /Estado de Minas
"Atropelar" apenas um buraco já pode comprometer o alinhamento do carro
A casa foi alugada com antecedência. Cerveja e mantimentos também já foram providenciados. Será que você não está se esquecendo de mais nada para curtir este carnaval? Se pretende pôr o carro na estrada, conferir o estado de alguns itens é obrigatório. Dependendo do problema ainda há tempo de levar o carro em sua oficina mecânica preferida e seguir tranquilo para a folia.

Pneus
Os pneus são o contato que o veículo tem com o chão e por isso devem estar em boas condições. Veja se os sulcos não estão inferiores a 1,6 milímetro, que significa que já estão gastos, aumentando o risco de aquaplanagem (quando o pneu perde contato com o solo devido a um lâmina d’água e o carro fica sem controle direcional).

Calibragem
A calibragem correta também é muito importante, já que, além de assegurar a durabilidade aos pneus, economiza combustível. Cada libra a menos equivale a 2% a mais de combustível gasto. Se for levar muita bagagem, é recomendado acrescentar 2 ou 3 libras a mais que o estipulado no manual. O estepe não deve ser esquecido. Recomenda-se calibrá-lo com 3 a 4 libras a mais que os pneus em uso.

Luzes
Confira se o carro está com alguma luz queimada e não deixe de regular o facho dos faróis. Além de não ofuscar os veículos que trafegam no sentido contrário, a regulagem melhora sensivelmente a visibilidade.

Palhetas
Para manter uma boa visilidade na chuva, confira o estado das palhetas. Com no máximo dois anos de uso as borrachas ressecam e perdem a eficiência. A palheta traseira, se tiver, não deve ser esquecida.

Freios
Devem estar afinados para segurar o carro em todas as situações. Pastilhas, discos e tambor devem ser inspecionados e substituídos, se for o caso. Não se pode esquecer de verificar o nível do fluido de freio, que é essencial. A durabilidade é de cerca de dois anos. Se o fluido não estiver dentro da validade, a frenagem fica comprometida. Olho vivo.

Alinhamento
Procure se lembrar qual foi a última vez que mandou alinhar e balancear o carro. O serviço deve ser feito a cada 10 mil quilômetros, mas as condições viárias brasileiras fazem essa projeção cair pela metade. Os sintomas de um carro mal alinhado são a falta de estabilidade, volante descentralizado, direção tendendo para algum lado, desgaste irregular de pneus, que deslizam facilmente.

Outros
Para garantir uma viagem tranquila, é fundamental dar uma olhada no estado da bateria, do óleo e dos filtros.

De primeira necessidade

Mesmo que você não entenda nada mesmo de mecânica, é prudente levar algumas ferramentas para que a alma caridosa possa realmente lhe ajudar, se o seu carro parar no meio da caminho. Confira:

* Arame, para amarrar o cano de descarga

* Um litro do mesmo óleo usado no motor

* Lâmpadas das lanternas traseiras e fusíveis

* Correias

* Canivete

Reparador instantâneo de pneus, se rasgar de nada adiantará, mas…

Verifique se macaco, pneu sobressalente e chave de roda estão mesmo onde deveriam

A ferramenta mais importante na maioria dos carros modernos é o telefone celular, para chamar o reboque se a alma caridosa não estiver disponível ou simplesmente não tiver conhecimento suficiente para colocar o veículo em movimento outra vez.

Assista no Vrum na TV

Quais são os cuidados a ser tomados em um trecho alagado?


Chuva e granizo contra seu carro


Encontre seu veículo

Últimas notícias

ver todas
10 de janeiro de 2011
18 de dezembro de 2009

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação