Renault Kangoo Sportway 1.6 16V - Feito para a galera

Depois da reestilização, multiuso ganha aspecto mais agradável, além da terceira fileira de bancos, aumentando a capacidade para sete passageiros, mas diminuindo porta-malas

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 11/10/2008 16:15 Enio Greco /Estado de Minas
Fotos: Marlos Ney Vidal/EM/D.A Press - 24/9/08
Os veículos do segmento de multiuso nunca tiveram o visual como principal atrativo, mas os fabricantes têm até se esforçado para tentar mudar essa imagem. A Renault, por exemplo, reestilizou o Kangoo e conseguiu deixá-lo com aspecto um pouco mais agradável, fazendo modificações principalmente na dianteira. Veículos testou a versão Sportway 1.6 16V, com sete lugares, que tem bom espaço interno, porém suspensão áspera causa desconforto ao transferir as irregularidades do solo para o interior.



Visual novo Lançado mundialmente em 1997, o Renault Kangoo tinha um aspecto pouco agradável. Estava mais para furgão do que veículos de passageiros. Mas a montadora percebeu que a mudança era necessária e o modelo 2009 chega com visual alterado. A principal alteração foi feita na frente do Kangoo, que ganhou faróis em forma de gota e grade pequena, com o losango da marca no centro. A frente é alta e curta e fica ainda mais robusta com os vincos salientes no capô. Na versão Sportway, o pára-choque dianteiro é em duas cores e tem faróis de neblina embutidos. As laterais com frisos largos de plástico têm portas corrediças, facilitando o acesso ao interior do carro em qualquer situação. As portas traseiras, que se abrem em sentidos opostos, deixando livre o acesso para o compartimento de bagagem.

Veja mais fotos do Kangoo!

Espaçoso
Um dos atrativos da versão Sportway é a terceira fileira de bancos, com dois assentos instalados no porta-malas. Não são bancos confortáveis, pois sobra pouco espaço para as pernas, o que os torna ideais para crianças. Para quem tem família grande pode ser uma boa solução. Quando está montada, a terceira fileira de bancos ocupa todo espaço do porta-malas, restando apenas um canto para pequenos volumes. Mesmo com os dois bancos rebatidos, o espaço para bagagens fica comprometido. A situação só melhora se a terceira fileira for retirada. Mas de uma forma geral, o Renault Kangoo tem bom espaço interno, ampliado ainda mais pelo teto alto. O interior é versátil e permite várias configurações com o rebatimento dos bancos, que têm encosto de cabeça para todos os ocupantes.
Portas traseiras garantem fácil acesso ao porta-malas - Portas traseiras garantem fácil acesso ao porta-malas

Acabamento
O plástico predomina no acabamento interno, contribuindo para aumentar os ruídos, que ficam mais evidentes quando se trafega sobre pisos irregulares. O porta-luvas não tem tampa, mas existem vários porta-trecos e um compartimento horizontal no teto que facilitam a acomodação de vários pequenos objetos. O painel tem desenho simples, mas é funcional, com instrumentos de fácil visualização e visores digitais. O modelo conta com manopla na coluna de direção com comandos para o som, mas não tem ajuste de altura do volante. Por outro lado, tem providencial regulagem de altura do facho dos faróis. A posição de dirigir é boa, mas o volante é fino. A visibilidade é favorecida pela ampla área envidraçada e retrovisores de bom tamanho.

Kangoo X Doblò


Desempenho
O eficiente motor 1.6 16V flex da Renault dá conta do recado, proporcionando bom desempenho. Só exige um pouco mais de aceleração nas arrancadas, pois é mais eficiente acima das 2.000 rpm. Quando abastecido com álcool apresenta uma melhora na performance e com o ar-condicionado ligado o rendimento cai um pouco. O câmbio tem engates macios e precisos, mas o curso da alavanca é um pouco longo. As relações de marchas mais curtas favorecem o desempenho principalmente no trânsito urbano.

Duro
As suspensões do Kangoo favorecem a estabilidade, garantindo bom comportamento em curvas, com pouca inclinação da carroceria, apesar da altura do modelo. Mas a calibragem deixa as suspensões mais ásperas e quando o veículo trafega sobre pisos irregulares, transfere tudo para o interior, causando desconforto. O sistema de direção com assistência hidráulica tem bom diâmetro de giro, facilitando manobras e garantindo segurança em velocidades mais elevadas. Os freios são eficientes, embora não contem com o sistema ABS, que não é oferecido nem como opcional.

Confira a avaliação técnica, os equipamentos de série, os opcionais e a ficha técnica no Veja Também, no canto superior direito desta página.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600
Encontre seu veículo
O ano inicial não pode ser maior que o ano final.
O preço inicial não pode ser maior que o preço final.

Refinar busca

Últimas notícias

ver todas
14 de novembro de 2015
07 de novembro de 2015
04 de novembro de 2015
24 de agosto de 2015