Harley-Davidson XL 1200 N Nightster - Criatura noturna

Novo modelo da badalada marca americana não abandona o tradicional motor de dois cilindros em V, mas incorpora avanços tecnológicos e visual instigante e diferente

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 03/02/2007 01:05 Téo Mascarenhas /Estado de Minas
Fotos: Harley-Davidson/Divulgação
A linha Sportster da americana Harley-Davidson está completando 50 anos. Quando foi lançada em 1957, provocou divisão de opiniões, já que era uma moto com características consideradas muito esportivas para uma genuína Harley. A linha não só sobreviveu aos mais ferrenhos puristas, como, ao longo destas cinco décadas, ganhou fama e novos modelos. Hoje, além da Sportster XL 1200 C Custom e da XL 1200 R Roadster, existe a linha caçula, que inclui a Sportster 883 e, agora, a novíssima XL 1200 N Nightster.

Apresentada dia 29, durante o Winter Dealer Meeting (convenção de inverno dos revendedores Harley dos Estados Unidos), em Orlando, Flórida, a nova XL 1200 N Nightster tem visual agressivo, com grande parte da pintura em preto, justificando o nome Nightster (algo como ser noturno), além de características únicas. Para começar, o banco só tem lugar para o piloto, o que é quase um sacrilégio para quem costuma viajar em dupla, especialmente com as estradeiras Harley.

Borracha

Outro pecado para os saudosistas foi a adoção de engrenagens helicoidais no câmbio de cinco velocidades. Com isso, as marchas são engatadas mais suavemente, sem os assustadores trancos e barulhos característicos da marca. Para facilitar, o sistema de embreagem, que anteriormente era pesado e duro, também foi aperfeiçoado, deixando o manete de acionamento 8% mais macio. Além disso, o motor foi montado em calços de borracha, no quadro tubular em aço, eliminando grande parte das fortes e incômodas vibrações.
Suporte da placa foi deslocada para a lateral esquerda - Suporte da placa foi deslocada para a lateral esquerda

O motor é o tradicional dois cilindros em V (com inclinação de 45°, duas válvulas por cilindro e refrigeração a ar), mas da família de 1200 cm³, batizada de Evolution. Essa nova geração aposentou o carburador para adotar a injeção eletrônica de combustível ESPFI (Eletronic Sequential Port Fuel Injection), que também garante funcionamento mais suave e homogêneo. O motor tem características esportivas (bem mais nervoso e ágil), próprias da linha Sportster, e fornece 70 cv de potência.

Roupa

Além da parte técnica, escondida no interior do motor, ou em peças invisíveis, o que diferencia esta nova Harley é a roupagem. A XL 1200 N Nightster tem aros e cubos de roda pintados de preto, assim como bengalas da suspensão telescópica dianteira (39 mm de diâmetro e 117 mm de curso) com a jurássica capa sanfonada. Quadro, balança, guidão, retrovisores, laterais, piscas, cobertura da correia de transmissão e parte inferior do tanque (19,5 litros) também são pintados em preto.

Fazendo o contraponto, os escapes duplos são cromados, assim como os cabeçotes do motor. O suporte da placa não fica no pára-lamas traseiro, mas na lateral esquerda. Aliás, o pára-lamas dianteiro é bem pequeno. A suspensão traseira conserva os dois amortecedores aparentes, com 61mm de curso. O freio dianteiro tem disco simples de 292 mm de diâmetro, mesma medida do traseiro. O painel tem conta-giros, hodômetro total e parcial, luzes de advertência e sistema anti-furto. Diferentemente das outras Sportster, o farol tem uma capa superior destacada. O peso a seco é de 247 kg. A Harley ainda não definiu preço e datas de sua importação para o Brasil. Informações: (31) 3275-2711.

Veículos

Encontre seu veículo

Ultimas Notícias

ver todas

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
Queremos sua ajuda para deixar a experiência no VRUM ainda melhor! Participe Participe