Publicidade

Estado de Minas

Venda de motocicletas termina 2008 com alta de 17,5%


postado em 15/01/2009 19:05

FolhaNews

As vendas no mercado interno do setor de motocicletas superaram as expectativas e tiveram crescimento de 17,5% em relação ao ano de 2007, de acordo com dados da Abraciclo (Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas e similares). A produção no ano passado cresceu 23,4%.

Entre janeiro e dezembro do ano passado foram vendidas 1.879.695 unidades, contra 1.600.157 que foram comercializadas em 2007. Já no comparativo entre o mês de dezembro e novembro de 2008 as vendas apresentam uma queda de 8,6% no mercado interno (99.292 unidades contra 108.687).

Em 2008 foram produzidas 2.140.907 motocicletas, alta de 23,4% em relação a 2007, quando foram fabricadas 1.734.349 motos.

Apenas em dezembro, 121.745 motocicletas saíram das linhas de montagem do Pólo Industrial de Manaus, sendo que em novembro este número chegou a 179.569 unidades, o que representa uma queda de 32,2%.

A Abraciclo não determinou ainda suas expectativas para 2009. Segundo ela, os resultados das medidas anunciadas pelo governo no fim do ano passado começarão a ser sentidos a partir deste mês. "Consideramos mais prudente aguardar um pouco mais para desenhar o cenário de 2009. É impossível ter a dimensão efetiva do quanto às medidas afetarão o setor. Qualquer colocação neste momento seria mera futurologia", afirmou Paulo Takeuchi, presidente da entidade.

Exportações
Em dezembro, 10.109 motos foram comercializadas para o mercado externo. Isso significa um pequeno incremento: 3,4% maior que em novembro de 2008 e 8,7% maior que dezembro de 2007.

. Populares lideram ranking dos veículos mais vendidos em 2008
. Crise levou dez maiores montadoras a demitir 35 mil

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade