Dafra Kansas 250 - De volta, sem ter ido

Com estilo custom, novo modelo tem freios a disco nas duas rodas e segue a receita de muitos cromados. Motor de dois cilindros em V desenvolve 21cv de potência

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 05/04/2009 17:17 Téo Mascarenhas /Estado de Minas
Com pouco mais de um ano de vida, a marca de motocicletas Dafra, que usa tecnologia chinesa, instalada em Manaus, Amazonas, assombrou o mercado interno, produzindo em 2008 quase 120 mil unidades, surfando na demanda superaquecida. Este ano, com o consumidor mais arredio, as montadoras vão usando a criatividade para acelerar as vendas. A Dafra, quando foi instalada, no início do ano passado, ventilou a possibilidade de lançar o modelo custom Horizon 250, com motor de dois cilindros em V, o que acabou se tornando uma meia-verdade.
Guidão estilo chifre de boi deixa os braços mais altos. Encosto no banco da garupa é de série e proporciona mais conforto - Fotos: Dafra/Divulgação Guidão estilo chifre de boi deixa os braços mais altos. Encosto no banco da garupa é de série e proporciona mais conforto

Foi produzido em dezembro de 2008 apenas um lote de 851 unidades do modelo, como série limitada, só que batizado de Kansas 250, que agora chega ao mercado. A estratégia visou pegar uma carona no bom desempenho de vendas da irmã menor, Kansas 150 (com apenas um cilindro), e também na homologação, ainda dentro das antigas e menos rigorosas normas ambientais do Promot II. Para atender a fase III do Promot, em vigor a partir de janeiro e bem mais severa, a moto será adaptada, recebendo provavelmente injeção eletrônica e voltando a ser chamada de Horizon 250.

Semelhança
A nova Dafra Kansas 250, maior modelo da linha, coincidentemente é bastante semelhante à Delta LF 250, do grande fabricante chinês Lifan, com quem a montadora nacional tem um acordo de cooperação e importação. Essa, por sua vez, é um perfeito clone da Yamaha Virago 250 (apelidada de Viraguinho), que já foi vendida com sucesso no Brasil. Como o padrão visual das motos do estilo custom não sofre grandes alterações, como aliás exige o consumidor, a nova Kansas 250 é perfeitamente atual e atraente em seu segmento.

A fórmula de muitos cromados, banco bipartido de dois andares e motor dois cilindros em V, está presente. Outra característica da nova Dafra Kansas 250 é o guidão curvado, estilo chifre de boi, que permite uma ergonomia de pilotagem com braços mais altos. Já os pés ficam mais esticados, por conta de pedaleiras avançadas. O banco individual é mais baixo para o piloto (810 mm) e tem um encosto para a garupa (sissy bar), proporcionando mais conforto em trajetos longos.

O propulsor, do tipo quatro tempos, com carburador e 248,7 cm³, também com partes cromadas, segue a tradicional receita custom de dois cilindros em V, desenvolvendo potência de 21 cv a 7.000 rpm e torque de 2,35 kgfm a 6.000 rpm. A refrigeração é a ar e o câmbio tem cinco marchas. As rodas são de liga leve, com seis raios, e os freios a disco ventilados nas duas rodas, com acionamento hidráulico e mangueiras revestidas (tipo aeroquip), para reduzir a dilatação e melhorar a eficiência.

O painel, também dentro do estilo, fica no guidão, com relógio único e cromado, assim como a capa do farol arredondado. Os escapes, um para cada cilindro, ficam do lado direito, e são, obviamente, cromados. A suspensão dianteira é telescópica, com 140 mm de curso. A suspensão traseira tem dois amortecedores, com apenas 55mm de curso, para castigar a coluna e os rins do piloto. O tanque, em estilo gota, comporta 9,5 litros, incluída a reserva, e o peso a seco é de 137 kg. A Dafra Kansas 250 é vendida por R$ 12 mil. Informações na Moto Via: (31) 3555-6000.

Veículos

Encontre seu veículo

Ultimas Notícias

ver todas

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação