Honda CBR 1000RR Fireblade - Raciocínio próprio

Modelo 2009, equipado com o inédito sistema ABS, pela primeira vez no mundo em uma superesportiva de série, manteve a agressividade, com motor que esbanja torque e potência

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 01/07/2009 17:01 Téo Mascarenhas /Estado de Minas
O comportamento agressivo foi mantido e a segurança aumentada - Fotos: Caio Mattos/Honda/Divulgação O comportamento agressivo foi mantido e a segurança aumentada
Lançado mundialmente no ano passado, chega ao Brasil, importado oficialmente e disponível a partir deste mês, o modelo superesportivo CBR 1000RR ou simplesmente Fireblade (lâmina de fogo), equipado com inédito freio antitravamento ABS, que atua em conjunto com o sistema CBS, distribuindo a pressão entre as duas rodas. A evolução e a sofisticação da eletrônica permitiram a adoção do sistema, já presente em modelos de turismo ou estradeiros, mas até então impensáveis em motos do tipo superesportivas, que oferecem pilotagens radicais, beirando os limites da insanidade.

Para adotar o ABS na Fireblade, a montadora desenvolveu uma poderosa e rápida central eletrônica, que acaba 'pensando' para o piloto, quando esse aciona os freios. O sistema funciona por meio de sensores, que percebem a pressão exercida no pedal e no manete de freio. Eles interpretam a necessidade de maior ou menor pressão na linha hidráulica, que, por sua vez, aciona as pastilhas. Para gerar esta força, foi desenvolvida uma bomba que também conta com o sistema CBS, que distribui a pressão entre as duas rodas, conforme os cálculos da central.

Inteligente
Todo o processo é feito instantaneamente e com precisão cirúrgica, para não comprometer o prazer de uma pilotagem esportiva, aliás, exigida pelos seletos compradores desse segmento. Para não ficar com a pulga atrás da orelha, o sistema transmite quase as mesmas sensações de pilotagem de um modelo convencional. Entretanto, quem comanda a frenagem é o batalhão de chips da central eletrônica, que está sempre alerta. Além da maior precisão da frenagem, o sistema tem o importantíssimo efeito colateral do aumento da segurança.

Toda a parafernália necessária para o funcionamento do sistema, entretanto, tem seu preço. Elevou o peso do modelo em 11 quilos, passando de 177 kg a seco para 188 kg. Para os mais puristas, com um pé atrás para os avanços tecnológicos, ou que não abrem mão de comandar diretamente os freios, sem interferências ou intermediários com raciocínio próprio, a montadora também importa modelos 2009 sem o sistema. Todo o restante da parte técnica e visual foi mantido sem alterações, conservando o caráter superesportivo do modelo.

Centralizada
A nova CBR 1000RR Fireblade foi projetada dentro do conceito de redução dos pesos nas extremidades e concentração das massas, para favorecer a condução esportiva. A distância entre-eixos, por exemplo, de 1.410 mm, é apenas 7 mm maior do que a da nova CBR 300, lançada mês passado, proporcionando agilidade nas mudanças de direção e em trechos sinuosos. Além disso, o escape curto e de saída baixa ajuda a centralizar o peso e as massas. O motor, com 999,8 cm³, tem quatro cilindros em linha, 16 válvulas, injeção eletrônica e refrigeração líquida.

A potência é de 178,1 cv a 12.000 rpm e o torque de 11,4 kgfm a 8.500 rpm. O quadro, de alumínio, é do tipo diamond. A suspensão dianteira é invertida, com 120 mm de curso, e a traseira, mono, com 138 mm de curso. Ambas plenamente reguláveis. O freio dianteiro tem dois discos de 320mm, com pinças monobloco, de acionamento radial e quatro pistãos. O traseiro tem 220 mm. O painel é completo, com visor digital e shift light, para auxiliar as trocas de marchas. O modelo na cor branca, sem ABS, vai ser comercializado com preço sugerido de equivalentes a US$ 33.079, sem frete, seguro e óleo, base São Paulo. Nas cores azul e alaranjado, com a mesma decoração do modelo de competição, RC 212V, US$ 34.079. O modelo com ABS, somente na cor azul, US$ 36.190. Informações na rede autorizada Honda de importadas.

Veículos

Encontre seu veículo

Ultimas Notícias

ver todas

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
Queremos sua ajuda para deixar a experiência no VRUM ainda melhor! Participe Participe