Cosmos Muscle Bikes 2R WF e 4R WF - Força bruta

Com motor de oito cilindros em V e 350cv, as motos produzidas no Paraná podem ter duas ou quatro rodas e são fabricadas sob medida e encomenda para cada cliente

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 26/10/2009 16:36 Téo Mascarenhas /Estado de Minas
Fotos Amadeu Ferreira/Cosmos/Divulgacao
O mercado brasileiro de motos especiais tem um dos mais criativos representantes em São José dos Pinhais, região da Grande Curitiba, no Paraná. É a Cosmos Muscle Bikes, que produz sob encomenda triciclos, veículos para portadores de necessidades especiais, carros esportivos e motocicletas. A história começa com o engenheiro mecânico Amadeu Ferreira Júnior, produzindo modelos artesanais e exclusivos para uso próprio. Os amigos gostaram e passaram a encomendar e atrás deles vieram outros clientes. O aumento no volume de pedidos resultou em uma fábrica, que tem duas musculosas motocicletas em linha. Os modelos 2R WF e 4R WF.

Equipadas com poderosos motores de oito cilindros em V, os famosos “veoitão”, de nada menos que 5.800cm³, herdados do Corvette, que desenvolvem potência de 350cv a apenas 5.250rpm. Uma espantosa cavalaria para justificar o nome Muscle Bikes ou motos musculosas. E o lema da empresa é: “Potência máxima para quem não foge dos desafios e determina seus próprios limites”. Uma tarefa tão qualificada que as motocicletas são produzidas conforme o manequim e perfil de cada cliente. Para tanto, é medida a altura do piloto, seu peso, o comprimento dos braços e pernas, além do tamanho dos pés, para que cada modelo fique milimetricamente personalizado.

Versões 2R WF e 4R WF lado a lado, com o grande motor V8 5.8 a mostra - Versões 2R WF e 4R WF lado a lado, com o grande motor V8 5.8 a mostra


Processo

Dessa forma, a ergonomia de cada motocicleta, como tamanho e inclinação do guidão, altura e afastamento das pedaleiras, altura do banco etc. proporciona o máximo conforto, como uma roupa sob medida. Para completar, cada unidade leva gravado o nome do comprador e um número para identificação. No processo de fabricação, que dura cerca de seis meses, o cliente, se quiser, pode visitar a fábrica a cada 15 dias, para acompanhar a produção e verificar cada detalhe. O coração dos modelos, com seus oito cilindros e estratosféricos 350cv, merece todo o cuidado com a posição de pilotagem e mais outro tanto com a dirigibilidade.

Veja mais fotos das muscle bikes da Cosmos!

O modelo de entrada é o 2R WF, que custa R$ 145 mil. O motor conta com injeção eletrônica, refrigeração líquida com ventilador auxiliar e câmbio de três marchas para frente e mais a marcha a ré para ajudar nas manobras, uma vez que o peso a seco é de 420kg, o entre-eixos de 2,0m e o comprimento total de 2,50m. As rodas têm aros de 17 polegadas, com dois discos de freio na dianteira e um na traseira. A suspensão dianteira é do tipo convencional telescópica e a traseira mono em balança exclusiva. O tanque comporta 16 litros. O quadro é especial em dupla viga lateral para suportar o motor e a iluminação conta com duplo farol.

Quatro rodas


O modelo 4R WF, assim como a 2R WF, não tem carenagem, mostrando propositalmente o motorzão. No modelo 4R WF, que tem preço sugerido de R$ 165 mil, as quatro rodas também ficam explicitamente expostas, chamando bastante a atenção e gerando questionamentos. Entretanto, não é um carro, mas uma verdadeira motocicleta, homologada como tal. A semelhança com o badalado modelo conceito Dodge Tomahawk, também com quatro rodas e motor de10 cilindros em V, do Viper, com 8.277cm³ e 500cv, apresentado em 2003, é visível. Mas Amadeu Ferreira Júnior garante orgulhoso que o 4R WF foi desenvolvido bem antes e tem algumas vantagens.

Enquanto o Tomahawk ainda é um conceito e quase só anda em linha reta, pois as rodas dianteiras não inclinam nas curvas, a 4R WF já está nas ruas, com suspensão dianteira de braços laterais e dois amortecedores, que permite a inclinação das rodas, aros 17 polegadas e estabilidade nas curvas. A suspensão traseira é do tipo mono. Outra vantagem é que, parada, a 4R WF não necessita de apoio, facilitando para o piloto, uma vez que pesa a seco quase meia tonelada (475kg), além de um entre-eixos de 2,03m e um comprimento total de 2,60m. Um gigante que tem o mesmo motor V8 de 350cv da irmã menor, marcha a ré e um disco de freio em cada roda. O quadro é do tipo monobloco, com motor integrado. O tanque comporta 22 litros. O visual exótico completa o pacote. Vai encarar? Informações: (41) 3267-3706.

Veículos

Encontre seu veículo

Ultimas Notícias

ver todas

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
Queremos sua ajuda para deixar a experiência no VRUM ainda melhor! Participe Participe