Publicidade

Estado de Minas

BMW F 800 GT - Terceira irmã

Com vocação para estradas, modelo 2013 tem motor de dois cilindros paralelos, carenagem integral, freios ABS de série e muita eletrônica opcionalmente


postado em 05/12/2012 16:06

A alemã BMW apresentou durante o Salão de Milão, na Itália, o modelo F 800 GT, com características mais estradeiras, ou touring, completando a trinca de irmãs, que também conta com os modelos F 800 R, Street e F 800 GS de uso misto cidade e campo, com praticamente a mesma base mecânica, porém voltadas para segmentos distintos. As duas irmãs mais velhas já são produzidas e comercializadas no Brasil, em Manaus, Amazonas, enquanto a nova F 800 GT, grã-turismo, é a próxima na fila da família a carimbar o passaporte canarinho, com uma logística de montagem facilitada por um parque industrial já instalado. Com isso, o Brasil fica consolidado como um dos principais mercados mundiais da marca.

O novo modelo, todo carenado, teve formas nitidamente inspiradas na sofisticada touring K 1600 GT, equipada com motor de seis cilindros em linha e também comercializada no Brasil, via importação oficial. A F 800 GT, entretanto, divide o propulsor de dois cilindros paralelos de 798cm³ com as outras duas irmãs da linha F. Este motor, projetado pela BMW, mas construído pela austríaca Rotax e produzido na China pela Loncin, é o primeiro da história da marca germânica com esta arquitetura, que permite formas mais compactas e um bom compromisso entre potência, torque, peso e velocidade. Essas características possibilitam o uso desse motor em diferentes modelos, exatamente como agora, nas três irmãs.

ESTRADA O motor é o mesmo, mas calibrado para permitir melhor desempenho nas estradas, além de uma ergonomia que deixa a pilotagem bastante facilitada e confortável. Os dois cilindros paralelos fornecem 90cv a 8.000rpm e um torque de 8,8kgfm a 5.800rpm. Números superiores aos da antecessora, modelo ST (sport touring), lançada em 2006, que teve vida curta e acabou subindo no telhado. Equipado com quatro válvulas por cilindro, injeção eletrônica e refrigeração líquida, conta com um câmbio de seis marchas e transmissão final por correia dentada, em vez de corrente, ou de eixo cardã, como nas tourings de maior cilindrada. A correia de kevlar, entretanto, praticamente não exige manutenção.

Para facilitar a pilotagem nas estradas, a nova BMW F 800 GT conta com uma extensa lista de itens opcionais, como bolsas laterais com capacidade para 55 litros, bauleto central para 28 litros, bolsa de tanque, fixação própria no painel para sistema de navegação por satélite e banco com regulagem de altura. Os freios têm o sistema ABS de série, com dois discos dianteiros de 320mm de diâmetro e um disco simples na traseira com 265mm de diâmetro. As rodas são de liga leve, com aros de 17 polegadas de diâmetro, que permitem rápidas mudanças de direção, apimentando o comportamento com pitadas de esportividade. Além disso, conta com um verdadeiro arsenal eletrônico opcional.

ELETRÔNICA A nova moto, a exemplo dos modelos maiores da marca, pode contar com o sistema de controle de estabilidade Automatic Stabilty Control (ASC), sistema de controle das suspensões Electronic Suspension Adjustment (ESA) e uma combinação que possibilita a regulagem do tipo de pilotagem com características esportivas, normais ou confortáveis. Além disso, o sistema RDC permite monitorar a pressão dos pneus. A vocação estradeira do novo modelo também fica reforçada pelo conforto aerodinâmico que a carenagem e a bolha do para-brisa proporcionam em velocidades mais elevadas. O tanque de combustível, assim como nas irmãs, fica embaixo do banco e comporta 15 litros. O falso tanque abriga a caixa do filtro de ar e parte elétrica.

A suspensão dianteira é do tipo telescópica tradicional, não invertida, com tubos de 43mm de diâmetro e 125mm de curso. A suspensão traseira, porém, tem reforçado e vistoso monobraço em alumínio, que ancora suspensão do tipo mono. O escape tem saída única, com opcional de ponteira Akrapovic em titânio, que deixa o som do motor com uma “melodia” mais encorpada, além de reduzir 1,7kg no peso total da moto, que conta com quadro de traves laterais reforçadas. Em 2013, a BMW completa 90 anos de fundação. Nascida com motorização do tipo boxer, usada até hoje, tem programados diversos modelos comemorativos, com pintura e itens exclusivos incorporados, extensivos à toda linha, inclusive a nova irmã F 800 GT.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade