Scooters em alta

Honda estuda trazer a scooter SH 300i para o Brasil

Modelo da Honda pode concorrer com as scooters Dafra Citycom 300 e Suzuki Burgman 400. Honda SH 300i tem motor de 25 cv e transmissão V-Matic automatizada

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 08/06/2015 10:20 / atualizado em 15/06/2015 22:04 Portal Vrum
SH 300i tem motor de 279 cc, quatro válvulas, alimentado por injeção eletrônica e refrigeração líquida - Honda/ divulgação SH 300i tem motor de 279 cc, quatro válvulas, alimentado por injeção eletrônica e refrigeração líquida

Elas já apareceram inúmeras vezes nas telonas, mas no Brasil ainda não caíram no gosto do povo. O mercado de scooters no país ainda é relativamente pequeno, porém, em 2014, foram vendidas cerca de 40 mil unidades, um aumento de 31% em relação a 2013. Vendo o crescimento do segmento, a Honda estuda trazer a scooter SH 300i.Se o modelo realmente se tornar brasileiro, a montadora brigará com a Dafra, que oferece a Citycom 300 e a Maxsym 400, e com a Suzuki, que tem a Burgman 400.

Aqui a SH pode até ser novidade, mas lá for a a sigla é sinônimo de scooter, com mais de um milhão de modelos emplacados em todo o mundo, e tem várias opções de motorização. Ela é uma boa opção para quem procura um conforto que não é encontrado, por exemplo, em uma PCX de 150 cilindradas.

Juntando conforto com desempenho, é possível perceber certa vantagem da scooter sobre modelos comuns mais básicos. E la tem motor de 279 cc, quatro válvulas, alimentado por injeção eletrônica e refrigeração líquida. Propulsor tem câmbio CVT e potência de 27 cavalos. O tanque tem capacidade para 13 litros, com consumo de 30 km/l, gerando uma autonomia acima de 300 km.

As rodas de 16 polegadas faz com que o espaço do porta-objetos, que fica sob o banco, seja menor quando comparado com a Burgman 400. Com relação a segurança, a motocicleta usa discos de 256 mm nas duas rodas e, na Europa, conta com sistema ABS de série. O peso do modelo fica em 169 kg.

Ainda que a Honda não confirme a chegada da SH 300I no Brasil, a montadora deve apresentar alguma scooter para o país. Mas tudo indica que esse seja o modelo escolhido e chegue para brigar principalmente com a Dafra Citycom, que custa R$ 16.990 e reina sozinha nessa faixa de preço.

A SH 300I foi renovada para 2015 na Europa e custa 4.850 euros, cerca de R$ 16.800. Caso seja nacionalizada e produzina na fábrica da marca em Manaus, a scooter poderá chegar ao mercado com preço competitivo. Espera-se que esse seja um dos lançamentos da marca no Salão Duas Rodas, que acontece em outubro, em São Paulo.

Tags: a

Veículos

Encontre seu veículo

Ultimas Notícias

ver todas
16 de abril de 2018

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação