Poeira, água e choque

Para comemorar seus 115 anos, a Harley-Davidson anuncia lançamentos para um futuro próximo

Novos modelos da Harley-Davidson atingem segmentos ainda não disputados e incorporam motores com refrigeração líquida e elétricos, além de trazer uma linha popular e acessível

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 06/08/2018 15:34 Téo Mascarenhas /Estado de Minas


A aventureira Pan América tem motor V2 arrefecido a líquido - Harley-Davidson/Divulgação A aventureira Pan América tem motor V2 arrefecido a líquido
 

 

Prestes a completar 115 anos de estrada, a tradicional americana Harley-Davidson, oficialmente instalada no Brasil, chuta o balde anunciando um plano de lançamentos que vão até 2022, entrando em segmentos em que ainda não atuava, batizados de “more roads”, ou mais caminhos. Os novos caminhos passam pela criação de uma nova plataforma de motores entre 500cm³ e 1.250cm³, com arrefecimento a líquido, e um inédito modelo aventureiro big trail, além de ampliação de versões elétricas e a produção em larga escala de motos de baixa cilindrada na Ásia.

O projeto LiveWire com motor elétrico vira realidade em 2019 - Harley-Davidson/Divulgação O projeto LiveWire com motor elétrico vira realidade em 2019

A grande surpresa é o desenvolvimento do modelo aventureiro, tipo big trail, Pan América 1250, com previsão de chegada em 2020. Uma motocicleta capaz de encarar terra, bem longe do asfalto, hábitat preferido pelas clássicas estradeiras da marca. A Pan América 1250 contará com as mesmas armas da concorrência, como suspensões de maior curso Showa, freios Brembo, além de para-brisa regulável, painel com tela TFT e ergonomia de pilotagem mais vertical e relaxada. O motor, porém, segue a tradicional arquitetura de dois cilindros em V.


ÁGUA A diferença é que o novo projeto contempla a refrigeração líquida, permitindo um funcionamento mais uniforme e redondo, reduzindo as vibrações. A carenagem dianteira é outro destaque. Embora possa haver ajustes até o lançamento oficial, segue o padrão adotado pela nova e “reclassificada” softail Fat Bob, com um farol composto por uma bateria de LEDs horizontais. O novo modelo Pan América 1250, pronto para encarar grandes distâncias sem escolher os caminhos, também conta com escape de saída elevada, guidão maior e quadro com proteções.

A custom esportiva conta com motor de dois cilindros de 1.250cm³ - Harley-Davidson/Divulgação A custom esportiva conta com motor de dois cilindros de 1.250cm³

Com o mesmo motor da Pan América, porém ajustada para as novas exigências, além de outra roupagem, a Harley-Davidson também vai lançar até 2021 uma 1250 com tendências custom e performance mais esportiva. A (ostensiva) refrigeração líquida pode até fazer os mais puristas torcerem o nariz com a modernidade, porém, o desempenho será bastante potencializado. O visual também emprega o farol com barra horizontal em LED, mas o escape tem saída elevada. O pacote igualmente contempla uma balança da suspensão traseira em tubos arqueados.
A naked streetfighter com motor de 975cm³ promete performance esportiva - Harley-Davidson/Divulgação A naked streetfighter com motor de 975cm³ promete performance esportiva

CHOQUE Outro lançamento radical previsto para até 2022 é um modelo naked do tipo streetfighter (guerreiro urbano), para aumentar o desespero da legião dos “harlistas raiz”. O modelo também conta com motor de dois cilindros em V com refrigeração líquida, mas redimensionado para 975cm³, derivado da plataforma 1250. O novo modelo não faz concessões ao tradicionalismo e agrega suspensão invertida na dianteira, rodas de liga leve, traseira afilada, freios de alta performance com pinças radiais e posição de pilotagem esportiva.

Modelos elétricos mais %u201Cpopulares%u201D e acessíveis também serão produzidos... - Harley-Davidson/Divulgação Modelos elétricos mais %u201Cpopulares%u201D e acessíveis também serão produzidos...

A Harley-Davidson também vai produzir, em parceria com fabricante indiano, motocicletas de menor cilindrada, entre 250cm³ e 500cm³, para disputar o mercado asiático. A produção fora dos Estados Unidos também pode desembarcar nos mercados ocidentais. Outro lançamento, já para 2019, será na linha de modelos elétricos, começando com a LiveWire de surpreendente performance, que já circula em fase de testes há cerca de dois anos. Depois dela, a Harley-Davidson vai desenvolver modelos elétricos “populares” ainda menores e mais acessíveis.
...alguns com design futurista, mas que lembram mais uma bicicleta - Harley-Davidson/Divulgação ...alguns com design futurista, mas que lembram mais uma bicicleta

Tags: futuro modelos bike rodas duas mascarenhas téo harley-davidson

Veículos

Encontre seu veículo

Ultimas Notícias

ver todas

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
Queremos sua ajuda para deixar a experiência no VRUM ainda melhor! Participe Participe