Publicidade

Estado de Minas

Peugeot 207 Passion - O bocão é meia-boca

A grande novidade da família de compactos da marca é o modelo com bumbum, sedã, bem ao gosto dos brasileiros. Vendas começam em outubro, com motores flex 1.4 e 1.6


postado em 02/07/2008 18:25

Dianteira do modelo feito em Porto Real foi inspirada na linha 207 européia e tem grade entrecortada pela barra de impacto frontal(foto: Fotos: Wagner Malagrine/Peugeot/Divulgação)
Dianteira do modelo feito em Porto Real foi inspirada na linha 207 européia e tem grade entrecortada pela barra de impacto frontal (foto: Fotos: Wagner Malagrine/Peugeot/Divulgação)
De Búzios (RJ) - Depois da apresentação estática da nova família 207, no complexo industrial de Porto Real, no Rio de Janeiro, a Peugeot agora coloca os modelos hatch, perua e sedãs para avaliação dos jornalistas especializados. Na verdade, o que a montadora chama de 207 não passa da família 206 reestilizada, que ganhou nova frente e detalhes estilísticos muito pequenos no resto da carroceria (veja box). Como a linha anterior não tinha o sedã, o 207 Passion é então a grande novidade desse lançamento, que pretende inaugurar uma nova fase no mercado brasileiro, concorrendo também com um produto que faz sucesso no mercado brasileiro: modelo três volumes derivado de hatch. Mas vai competir num segmento bem disputado, que tem Clio Sedan, Fiat Siena, Ford Fiesta, Corsa Sedan e o "Voyage", derivado do novo Gol, que chegará em outubro.



Estilo
O sedã tem a mesma frente dos modelos hatch e perua, inspirada na linha 207 européia, com destaque para a frente, que recebeu as principais mudanças. A grade é entrecortada pela barra de impacto frontal, formando conjunto que dá impressão de robustez ao carro. Outro detalhe que chama a atenção são os faróis, mais alongados e invadindo a lateral, evidenciando o chamado "olhar de felino". Entre os dois faróis está estampado o emblema da marca (o leão), com moldura cromada, que deixou a posição intermediária da dianteira para ficar em um local mais destacado: o bico do capô. Outros destaques da frente são o capô, que abriga pequenos recortes elípticos, e os pára-lamas salientes.

Veja mais fotos da família 207 Brasil!

Perfil
De lado, o sedã é praticamente igual ao 206 hatch até a porta traseira, quando começa a descer suavemente a linha do teto. Os desenhos das rodas de liga são novos e realçam a esportividade, como a Kyalami, de oito raios torneados e de 14 polegadas, e a Interlagos, de 10 raios estilizados e de 15 polegadas. A traseira tem linhas suaves, que se harmonizam com o resto do conjunto. Mas não traz grandes novidades estilísticas. As lanternas, inclusive, são bastante semelhantes às do 206 hatch. A tampa do porta-malas tem forma côncava e recorte que favorece o acesso ao compartimento de carga, que tem capacidade apenas razoável (420 litros) para o segmento, já que modelos como Fiat Siena e Renault Clio Sedan são superiores neste aspecto (500 e 510 litros, respectivamente).
Traseira tem linhas e formas suaves que se harmonizam com o resto do conjunto
Traseira tem linhas e formas suaves que se harmonizam com o resto do conjunto

Opções
Assim como o hatch e a perua, o sedã é vendido em cinco versões: XR 1.4; XR Sport 1.4; XS 1.6; XS automático 1.6; e XS automático com todos os opcionais. A XR vem de série com retrovisores, frisos laterais e capas dos retrovisores na cor da carroceria; ar-condicionado; direção hidráulica; e vidros dianteiros e travas com comando elétrico. Além dos itens da XR, a XR Sport sai de fábrica com antena curta traseira, retrovisores externos com regulagem elétrica, vidros traseiros com comando elétrico; e faróis de neblina. A XS acrescenta sensor de chuva, faróis com acendimento automático, computador de bordo e banco traseiro rebatível e bipartido. A versão topo de linha, a XS automática, soma mais o câmbio automático seqüencial, com opção de bancos em couro e airbags frontal e lateral.

Primeira impressão
O painel ganhou um novo layout, misturando tons de preto e molduras prateadas, e ficou mais moderno e em sintonia com as mudanças externas. Mas a reestilização não alterou a posição ruim dos comandos dos vidros, que continua no console, atrás da alavanca do freio de estacionamento. O novo sedã Passion mostrou bom desempenho com motor 1.6, que tem muito torque em baixa. Com propulsor 1.4, o rendimento não entusiasma mas não chega a decepcionar, embora seja bem mais ruidoso que o 1.6, naquelas faixas que o motorista mais usa. A suspensão é um pouco barulhenta, mas tem bom compromisso entre conforto e estabilidade.

Preços
Peugeot 207 hatch: XR 1.4 3p, R$ 37.790; XR 1.5 5p, R$ 39.290; XRS 1.4 3p, R$ 39.590; 207 XRS 1.4 5p, R$ 41.090; XS 1.6 3p, R$ 43.300; XS 1.6 5p, R$44.800; XS automático 1.6 5p, R$ 48.800. Peugeot 207 SW: XR 1.4, R$ 42.990; XRS 1.4, R$ 44.790; e XS Automático 1.6, R$ 52.500. A versão Escapade ainda não foi reestilizada. O Passion só começa a ser vendido em outubro e terá preço na faixa de R$ 40 mil. O 206 com a frente antiga continua sendo vendido, na versão Sensation, por R$ 29 mil.

O que você achou dos preços do Peugeot 207?

SEMELHANÇA ENGANA

A Peugeot não teve a menor cerimônia ao apresentar sua nova linha de compactos como 207, tentando aproximá-la da família européia. Mas as semelhanças estão apenas no nome e na frente, que foi reestilizada para ganhar o chamado "bocão", que identifica a linha européia. A montadora também alega que modificou mais de mil peças e acrescentou outras 250. Mas basta olhar o hatch e a perua de perfil e traseira e entrar nos dois modelos para perceber que o espaço interno continua o mesmo, ou seja, apertado, e que o painel está longe daquele adotado pelo moderno primo europeu. Na verdade, o 207 brasileiro não passa de um 206 e meio.

Ficha técnica

Características
Motor 1.4
Tipo Quatro cilindros em linha, 1.4 Flex
Posição Dianteiro, transversal
Cilindrada (cm3) 1.360
Válvulas 8
Diâmetro/Curso (mm) -
Taxa de compressão -
Potência (cv/rpm) 80 (G) / 82 (A) a 5.250
Torque (mkgf/rpm) 12,85 (G e A) a 3.250
Combustível Gasolina/Álcool
Motor 1.6
Tipo Quatro cilindros em linha, 1.6 Flex
Posição Dianteiro, transversal
Cilindrada (cm3) 1.587
Válvulas 16
Diâmetro/Curso (mm) -
Taxa de compressão -
Potência (cv/rpm) 110 (G) / 113 (A) a 5.600
Torque (mkgf/rpm) 14,2 (G) / 15,5 (A) a 4.000
Combustível Gasolina/Álcool
Transmissão
Câmbio manual de cinco marchas ou automático sequencial de quatro marchas; tração dianteira
Direção
Do tipo pinhão e cremalheira, com assistência hidráulica (De série apenas no 1.6 Power)
Dimensões e Capacidades
Comprimento (m) 4,23
Largura (m) 1,66
Altura (m) 1,44
Entre-eixos (m) 2,44
Porta-Malas (l) 420
Tanque de Combustível (l) 55
Peso em ordem de marcha (kg) 1.081 (XR e XR Sport, com motor 1.4) / 1.134 (XS 1.6) / 1.177 (XS automático e com opcionais)
Fonte: Fabricante

Leia mais sobre as novidades da Peugeot no Veja Também, no canto superior direito desta página.-->

(*) Jornalista viajou a convite da Peugeot do Brasil.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade