Publicidade

Estado de Minas NA PAREDE

Renegade leva nota máxima em crash test do Latin NCAP; QQ é reprovado

Utilitário da Jeep obteve nota máxima no teste de colisão, enquanto o chinesinho da Chery foi reprovado na avaliação. Novo Palio também foi avaliado. Assista ao vídeo


postado em 15/07/2015 16:50 / atualizado em 16/07/2015 09:58

Teste de colisão do Jeep Renegade, que obteve nota máxima para proteção de adultos e crianças(foto: Latin NCAP/Divulgação)
Teste de colisão do Jeep Renegade, que obteve nota máxima para proteção de adultos e crianças (foto: Latin NCAP/Divulgação)

O Latin NCAP, Programa de Avaliação de Veículos Novos para América Latina e o Caribe, divulgou os resultados de uma nova bateria de testes. Três modelos foram avaliados, vamos aos resultados?

RENEGADE O Jeep Renegade teve desempenho exemplar, com cinco estrelas para a proteção de adultos e crianças. De acordo com a Proteste (Associação Brasileira de Defesa do Consumidor), parceira do Latin NCAP, é a primeira vez que um modelo produzido no Brasil consegue nota máxima para ocupantes adultos e crianças. “A estrutura do veículo é forte, os airbags e cintos de segurança protegem corretamente os ocupantes no impacto frontal, proporcionando uma boa proteção no impacto lateral”, informa o relatório do Latin NCAP.

NOVO PALIO O Fiat Novo Palio equipado com airbag teve sua qualificação melhorada em relação a 2014, passando de três para quatro estrelas na proteção a adultos e de duas para três estrelas na proteção à criança. Para isto, a Fiat melhorou o sistema de lembrete de uso do cinto de segurança para o motorista nas unidades fabricadas desde julho de 2015, além do manual de instruções para a instalação assentos infantis.

NEW QQ O chinês Chery New QQ foi testado em sua versão básica, sem airbags, e foi reprovado: zero estrelas em todos os quesitos. Mas vale lembrar que, como a legislação brasileira exige airbags dianteiros para todos os automóveis desde 2014, todas as versões vendidas aqui trazem as bolsas infláveis, o que poderia trazer um resultado melhor.

“Infelizmente, a falta de normas por parte de alguns governos da região permite que veículos com baixa qualidade nos testes de colisão, como o Chery QQ, sejam oferecidos ao público”, analisou Alejandro Furas, secretário geral do Latin NCAP. A próxima bateria de testes do Latin NCAP será divulgada em setembro.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade