Publicidade

Estado de Minas NEM HR-V ESCAPA

Honda convoca 14 mil proprietários de Fit e 4 mil donos de HR-V para recall

Roda do HR-V pode se soltar; falha na programação do software responsável por controlar a transmissão automática do Fit poderá causar a quebra do eixo da polia motora, interrompendo a tração


postado em 15/09/2015 17:44 / atualizado em 15/09/2015 19:15

(foto: Leandro Couri/EM/D.A Press - 21/5/15)
(foto: Leandro Couri/EM/D.A Press - 21/5/15)

A Honda convoca13.965 donos de Fit, equipados com o sistema de transmissão automática CVT, para atualização do software da Unidade de Controle Eletrônica (ECU). Estão envolvidas as unidades produzidas de 27 de janeiro de 2014 a 22 de abril de 2015, com final de chassi de 200031 a 258686.

(foto: Juarez Rodrigues/EM/D.A Press - 23/6/14)
(foto: Juarez Rodrigues/EM/D.A Press - 23/6/14)
 

Segundo a Honda, devido a uma falha na programação do software responsável por controlar a transmissão automática, poderá ocorrer a quebra de um dos componentes do sistema, conhecido como eixo da polia motora, interrompendo a tração do veículo, com risco de acidente. O serviço já pode ser agendado em qualquer concessionária Honda. A marca alerta para a necessidade de confirmação do reparo de acordo com o número do chassi, uma vez que nem todos os veículos dentro dos intervalos relacionados acima estão envolvidos na campanha.

 

HR-V Já do HR-V estão envolvidas 3.889 unidades, produzidas de 10 de março a 11 de setembro de 2015, com final de chassi de 0002 a 3899.

Deve ser feita a confirmação do aperto dos parafusos dos cubos das rodas traseiras e, caso necessário, a substituição de componentes danificados. Em algumas unidades, os parafusos dos cubos das rodas traseiras podem não ter recebido o aperto necessário no processo de montagem na fábrica, possibilitando o desprendimento do cubo de sua fixação, com sério risco de acidente.


Informações nas concessionárias, pelo site da montadora ou na central de atendimento pelo número 0800 701 3432, de segunda a sexta, das 8h às 20h. 

 

 

 

 

 


 

 

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade