Publicidade

Estado de Minas

Suíça considera banir venda de carros a diesel da Volkswagen

Departamento Federal de Estradas da Suíça quer proibir todos os carros do grupo Volkswagen com motores diesel que contêm o software com fraude


postado em 28/09/2015 10:16

(foto: Volkswagen/Divulgaçaõ)
(foto: Volkswagen/Divulgaçaõ)

A Suíça está considerando banir a venda de veículos a diesel fabricados pela Volkswagen, após o escândalo sobre fraudes em testes de emissão de poluentes em carros da empresa.

A proibição, pelo Departamento Federal de Estradas da Suíça, seria para todos os carros do grupo Volkswagen com motores diesel que contêm o software projetado para enganar os controles de poluição que inclui as marcas VW, Audi, Skoda e Seat.

"Nós iremos tomar a decisão na segunda-feira baseados em informações que devemos receber da Volkswagen", disse o porta-voz do departamento suíço, Thomas Rohrbach.

A Suíça estima que cerca de 180 mil veículos que transitam pelo país podem estar equipados com o software. Estes veículos foram fabricados entre 2009 e 2014 e podem ser convocados para um recall se a presença do equipamento for confirmada.

Ontem, a Volkswagen confirmou Matthias Müeller, CEO da Porsche, como o novo executivo-chefe da companhia, no lugar de Martin Winterkorn, que renunciou após o escândalo sobre a emissão de poluentes. Ao longo da semana, a empresa afirmou que o software foi instalado em até 11 milhões de carros.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade