Publicidade

Estado de Minas PERSONALIDADE PRÓPRIA

Hyundai Creta brasileiro terá visual mais próximo do ix35

Hyundai confirma produção do Creta em Piracicaba (SP), com vendas a partir do inicio de 2017. Modelo construído sobre a plataforma do Elantra estreia no Salão do Automóvel, em novembro


postado em 15/09/2016 15:11 / atualizado em 15/09/2016 15:50

(foto: Hyundai/Divulgação)
(foto: Hyundai/Divulgação)
Acabou o suspense. Depois de muita especulação, a Hyundai enfim confirmou a produção do Creta na fábrica de Piracicaba, interior paulista, a partir do ano que vem. Meio SUV, meio crossover – até para nós é difícil definir... –, ele não é construído sobre a plataforma do HB20, produzido na unidade desde 2012. É derivado do sedã médio Elantra. Motor, câmbio e elementos do design serão específicos para o mercado brasileiro, adianta a Hyundai.

O Creta brasileiro promete ainda equipamentos inéditos, a exemplo do concorrente recém-lançado Nissan Kicks. A apresentação será no Salão do Automóvel de São Paulo, de 10 a 20 de novembro.

As duas primeiras imagens oficiais do Creta foram divulgadas escurecidas, junto do comunicado, e revelam pouco. Clareando-as já dá para observar que o nosso carro terá visual mais próximo do irmão maior ix35 do que o Creta já vendido em mercados como Índia, China e Rússia – onde também é conhecido como ix25.

A grade frontal continua hexagonal, mas cresceu consideravelmente. Há novos para-choques, tanto na dianteira (com faróis de neblina de formato horizontal, no lugar dos originais verticais) quanto na traseira, que recebeu também nova distribuição de luzes nas lanternas.

Duas primeiras imagens do Creta brasileiro adiantam detalhes do visual(foto: Hyundai/Divulgação)
Duas primeiras imagens do Creta brasileiro adiantam detalhes do visual (foto: Hyundai/Divulgação)
No exterior o Creta conta com motores 1.6 litro 123cv e 2.0 de 149cv. Por aqui será aproveitado o powertrain local, de início com o 1.6 de 128cv já utilizado no HB20. Não podemos descartar ainda o interessante 1.0 Turbo de 105cv de 15kgfm de torque recém-aplicado ao hatchback e sedã (HB20S). O câmbio também será o do HB20 manual ou automático, ambos de seis marchas. Os preços certamente devem superar os R$ 80 mil.

(foto: Hyundai/Divulgação)
(foto: Hyundai/Divulgação)


Modelo já vendido na China, Índia e Rússia é diferente do brasileiro(foto: Hyundai/Divulgação)
Modelo já vendido na China, Índia e Rússia é diferente do brasileiro (foto: Hyundai/Divulgação)

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade