Publicidade

Estado de Minas GODZILLA CONFIRMADO

Superesportivo Nissan GT-R será oficialmente importado por R$ 900 mil

Oito anos depois da primeira aparição no Brasil, Nissan GT-R virá do Japão com atualizações de design, tecnologia e motor 3.8 V6 biturbo 20cv mais potente, alcançando os 572cv


postado em 30/09/2016 13:07

(foto: Nissan/Divulgação)
(foto: Nissan/Divulgação)
Oito anos depois da primeira aparição no Salão do Automóvel'2008, o mítico superesportivo japonês Nissan GT-R tem a importação oficial confirmada para o mercado brasileiro. A um preço igualmente exclusivo: R$ 900 mil, valor acima de unidades trazidas por importação independente. Produzido exclusivamente no Japão, o Godzilla, como é popularmente conhecido, chega ao Brasil já trazendo as atualizações de design, mecânica e tecnologia da linha 2017 – maior número de alterações desde que a sexta geração foi lançada em 2007.

Será importado em única versão: a Premium, com cinco opções de cores para o revestimento interno. A chegada do superesportivo também marca o novo padrão mundial de estilo das concessionárias Nissan no Brasil.

A maioria das mudanças no design teve como objetivo a melhora da eficiência aerodinâmica, em três áreas: geração de força de sustentação negativa (downforce), redução do arrasto e maior capacidade de resfriamento dos sistemas vitais do veículo. O novo GT-R exibe frente com capô e para-choques redesenhados, luzes diurnas e a grade chamada pela Nissan de 'V-motion', com acabamento cromado fosco. A grade foi alargada em 20% para aumentar o fluxo de ar que resfria o motor, sem provocar mais arrasto. A marca japonesa ressalta que o novo design do capô aumenta consideravelmente a performance aerodinâmica em velocidades acima de 200 km/h.

(foto: Nissan/Divulgação)
(foto: Nissan/Divulgação)
No painel o número de controles integrados de áudio e navegação foi reduzido de 27 para 11, com novo desenho do sistema de navegação com tela de oito polegadas para facilitar o uso e melhorar a visibilidade do motorista e passageiro. A camada acolchoada encontrada sob o couro do interior tem novo material, mais fino, para ajudar a reduzir o peso. Todos os itens de couro da cabine são costurados por um mestre artesão.

A potência do motor biturbo 3.8 V6 24 válvulas foi acrescida em 20 cavalos, entregando agora 572cv a 6.800 rpm graças, em parte, ao aumento na pressão do atuador e a um sistema de temporização da ignição que é controlado individualmente por cada cilindro – tecnologia até então exclusiva do GT-R Nismo de competição.

(foto: Nissan/Divulgação)
(foto: Nissan/Divulgação)
A rigidez estrutural da plataforma foi reforçada e entre os itens de série o GT-R 2017 inclui airbags de dois estágios e com sensores de classificação dos ocupantes na dianteira, airbags laterais e de cortina, coluna de direção absorvedora de energia, controles eletrônico de estabilidade com três modos personalizáveis (Normal, R-Mode, Off) e de tração, câmera de ré, monitoramento da pressão dos pneus e acendimento automático dos faróis.

Primeira aparição oficial no Brasil ocorreu em 2008, durante o Salão do Automóvel(foto: Daniel Camargos/EM/D.A Press)
Primeira aparição oficial no Brasil ocorreu em 2008, durante o Salão do Automóvel (foto: Daniel Camargos/EM/D.A Press)
ENCOMENDA Será possível encomendar um GT-R em qualquer ponto Nissan no país, com a concessionária Carrera dando continuidade ao processo de venda. O prazo previsto de entrega é de três a quatro meses após a compra. O pós-venda terá atendimento diferenciado, com call center exclusivo e estrutura técnica dedicada, promete a Nissan.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade