Publicidade

Estado de Minas FORÇA MÁXIMA

Mercedes-AMG C 63 S Coupé renova gama AMG com motor 4.0 V8 no lugar do 6.3

Nova Mercedes-Benz C Coupé fica completa com a volta da versão superesportiva AMG 63 S. Motor 4.0 V8 biturbo de 510cv e elevado nível de customização elevam preço a R$ 615.900


postado em 06/10/2016 15:21 / atualizado em 06/10/2016 16:00

Mercedes-AMG C 63 S Coupé(foto: Malagrine/Mercedes-Benz Divulgação)
Mercedes-AMG C 63 S Coupé (foto: Malagrine/Mercedes-Benz Divulgação)
De Mogi Guaçu (SP) - De tão difundida, a divisão esportiva da marca da estrela de três pontas tem nome próprio – Mercedes-AMG. São três categorias de carros, definidas pelo nível de equipamentos (e claro, o motor): AMG Line, que envolve acessórios estéticos; Performance Cars, versões preparadas de fábrica pela AMG; e Sports Cars, o suprassumo, com o cupê AMG GT S no topo. Para promover a AMG e o seu alto nível de customização, bem ao gosto do exigente freguês, a Mercedes-Benz realiza até domingo no interior paulista o AMG Perfomance Tour, evento em autódromo em que os (felizes) convidados podem desfrutar da máxima performance da linha.

Na edição deste ano a novidade é o retorno da Mercedes-AMG C 63 S Coupé, versão mais apimentada da família Classe C que havia ficado de fora da chegada do novo C Coupé em julho e faz companhia ao recém-lançado C 43 4MATIC Coupé. Custando mais que o dobro do C 250 Coupé Sport (R$ 245.900) inicial, o C 63 S Coupé começa a ser entregue no país na semana que vem. Tecnologia e diversão não faltam ao carro, começando pelo inconfundível ronco do novo motor 4.0 V8 biturbo de 510cv no lugar do anterior 6.3 V8 e o interior de couro vermelho e preto. No Brasil são disponibilizadas 22 versões AMG ao todo, do A 45 AMG (o 2.0 mais potente do mundo, com incríveis 381cv) ao superesportivo GT S. Somente o utilitário G 65 AMG e o SL 65 AMG não são importados. O prazo de entrega, dependendo do modelo e o pedido de customização dos itens, varia de três a seis meses.

Uma das marcas do novo C Coupé é a traseira com a tampa do porta-malas curva, com as lanternas afiladas e a placa de identificação no para-choque. O conjunto de design é padrão e identifica todos os recentes Mercedes-Benz de configuração coupé: o SUV GLE Coupé, o luxuosíssimo S Coupé e o superesportivo AMG GT/GT S.

Mercedes-AMG C 43 4MATIC Coupé e C 43(foto: Malagrine/Mercedes-Benz Divulgação)
Mercedes-AMG C 43 4MATIC Coupé e C 43 (foto: Malagrine/Mercedes-Benz Divulgação)
Comparado ao C 43 Coupé, o 63 se distancia externamente pelas maiores bitolas (64mm maior na dianteira e 66mm na traseira) e molduras que exigiram novos moldes para as peças dianteira e laterais da carroceria. Suporte do eixo traseiro e rodas aro 19 de raios cruzados também são específicos. Bem como no C 43 Coupé, pode-se optar por cinco cores para o revestimento dos bancos de couro – preto, cinza, marrom, porcelana e vermelho. Além disso há a linha Designo, que permite encomendar a própria cor da carroceria (entre elas, tons foscos e brilhante) à linha de produção de Affalterbach, a 30km de Stuttgart, QG da Mercedes-Benz na Alemanha.

VOCÊ AO VOLANTE Para segurar tanta potência, muita tecnologia, com foco no perfil do piloto – o principal recurso de auxílio à condução é o alerta de sonolência Attention Assist. A suspensão tem conexões de freios especiais para competição e amortecedores reguláveis eletronicamente. O bloqueio eletrônico do diferencial traseiro distribui a força entre as rodas de 0% a 100%, controlando a perda de tração. Controle de estabilidade de três estágios (com função Sport) e cinco diferentes modos oferecidos pela transmissão AMG Dynamic Select (Eco, Comfort, Sport, Sport Plus e Individual) permitem escolher o tipo de condução por meio do touchpad, espécie de mouse no console central. Coxins dinâmicos para o motor se adaptam à rigidez de acordo com as condições de rodagem e a condução – coxins mais macios, por exemplo, aumentam o conforto e isolam de maneira mais eficiente o ruído e a vibração a bordo.

Mercedes-AMG C 43 (R$ 350.900)(foto: Malagrine/Mercedes-Benz Divulgação)
Mercedes-AMG C 43 (R$ 350.900) (foto: Malagrine/Mercedes-Benz Divulgação)

Mercedes-AMG A 45 (R$ 303.900) é o 2.0 mais potente do mundo: 381cv(foto: Malagrine/Mercedes-Benz Divulgação)
Mercedes-AMG A 45 (R$ 303.900) é o 2.0 mais potente do mundo: 381cv (foto: Malagrine/Mercedes-Benz Divulgação)
Uma tecla no painel permite ainda modular o som do escape, com tecnologia de flap, de um volume discreto para o ronco forte de um típico V8. Como nas Ferrari e Lamborghini. Antes disponível como opcional no antigo Pacote P30, a velocidade limitada eletronicamente a 300km/h é item de série. A segurança é reforçada por sete airbags, incluindo um de joelho. O único porém do Mercedes-AMG C 63 S Coupé é o preço: R$ 615.900.

FICHA TÉCNICA


Mercedes-AMG C 43 4MATIC Coupé
»MOTOR – 3.0 V6 biturbo de 367cv entre 5.500rpm e 6.000rpm e torque de 53,06kgfm entre 2.000rpm e 4.200rpm
»TRANSMISSÃO – Tração integral; câmbio automático de nove marchas
»DESEMPENHO – aceleração até 100km/h em 4,7s e máxima de 250km/h**
»CAPACIDADES – porta-malas, 400l; tanque de combustível, 66l; peso (kg), 1.735kg
»DIMENSÕES – (metros) comprimento, 4,69; largura, 2,01; altura, 1,40; distância entre-eixos, 2,85

Mercedes-AMG C 63 S Coupé
»MOTOR – 4.0 V8 biturbo de 510cv entre 5.500rpm e 6.250rpm e torque de 71,42kgfm entre 1.750rpm e 4.500rpm
»TRANSMISSÃO – Tração integral; câmbio automático de sete marchas
»DESEMPENHO – aceleração até 100km/h em 3,9s e máxima de 300km/h**
»PESO – 1.725kg

CONFIRA OS PREÇOS:

Mercedes-AMG C 43 4MATIC Coupé R$ 397.900
Mercedes-AMG C 63 S Coupé R$ 615.900

**Limitada eletronicamente
*Viajou a convite da Mercedes-Benz

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade