Modelo mexicano

Taxista de BH roda acima da média e sem problemas mecânicos com Nissan Versa 2013

Táxi Nissan Versa SL modelo 2013 alcança 358 mil quilômetros sem problemas mecânicos. Apesar da longevidade, sedã anda distante da preferência na praça e é apenas o 14º colocado em Belo Horizonte

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 20/10/2016 15:14 / atualizado em 20/10/2016 15:29 Bruno Freitas/Portal Vrum
José Nunes e o táxi que dirige quase todos os dias - Nissan/Divulgação José Nunes e o táxi que dirige quase todos os dias
Um taxista de Belo Horizonte conseguiu rodar 358 mil quilômetros com um Nissan Versa SL sem que o carro apresentasse “qualquer problema mecânico”, afirma. O modelo 2013 possui média de quilometragem superior à da frota de táxis de BH, que é de 322km rodados por dia útil, segundo a BHTrans – considerando que cada ano tem 253 dias úteis, a média geral de circulação ao longo de três anos é de 244.398km. Desde abril de 2015 o Versa é produzido em Resende (RJ). As unidades vendidas anteriormente e a partir do lançamento em 2011, como o carro do taxista José Nunes, eram importadas do México.

Apesar do caso de robustez e longevidade, o sedã compacto da Nissan anda distante da preferência na praça na capital mineira. Os táxis mais emplacados são justamente modelos concorrentes: Fiat Siena (2.308) em primeiro, seguido de Volkswagen Voyage (1.241) e Toyota Etios (802), respectivamente. No ranking o Versa figura apenas na 14ª posição, com 48 unidades.

Autor da proeza, José Nunes roda quase todos os dias com o Versa SL, a partir do ponto em que trabalha, no bairro Planalto (Região Norte de BH). Além do Nissan, que já fez todas as seis revisões indicadas no manual do proprietário, possui um segundo carro de outra marca, adquirido antes do táxi. João conta que a característica que mais agrada aos passageiros no Versa é o espaço interno, ampliado pela distância entre-eixos maior que a do March. “Cabe muito trem nele”, diz, com o conhecido sotaque mineiro.

MANUTENÇÃO A idade média da frota de táxis de BH é de 3,5 anos. Entre os problemas mais comuns detectados nas vistorias da Empresa de Transportes e Trânsito de Belo Horizonte (BHTrans), órgão regulador do sistema, estão itens em desconformidade com equipamentos obrigatórios, carroceria, leiaute externo, acessórios, pneus, aros e rodas.

Modelo é o 2013, ainda importado do México, na versão SL - Nissan/Divulgação Modelo é o 2013, ainda importado do México, na versão SL
10 TÁXIS MAIS EMPLACADOS EM BH:
1º. Fiat Siena 2.308
2º. Volkswagen Voyage 1.241
3º. Toyota Etios 802
4º. Fiat Idea 469
5º. Fiat Palio 354
6º. Chevrolet Cobalt 325
7º. Fiat Palio Weekend 239
8º. Chevrolet Spin 219
9º. Fiat Linea 188
10º. Chevrolet Prisma 184
11º. Toyota Corolla 157

14º Nissan Versa 48

Fonte: BHTrans

Tags: 'média geral de 244.398km rodados por ano taxista vrum Nissan Versa táxi roda 360 mil km Nissan Versa táxis de BH modelo mexicano Estado de Minas

Veículos

Encontre seu veículo

Últimas notícias

ver todas

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação