Sexta geração

Novo Chevrolet Camaro chega ao Brasil com visual mexido e ainda mais potente

Chevrolet Camaro 2017 desembarca no país com motor 6.2 V8 de 461cv e transmissão de oito marchas na série limitada Fifty

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 26/10/2016 14:24 / atualizado em 27/10/2016 15:14 Enio Greco /Estado de Minas
General Motors/Divulgação
A General Motors está trazendo para o Brasil o Camaro 2017, a sexta geração do muscle car que sempre fez muito sucesso por aqui e é sonho de consumo de muita gente. O modelo mantém a mesma identidade visual de superesportivo, mas traz mudanças nas dimensões e arquitetura, reduzindo o peso com o uso de materiais mais leves e tornando o carro ainda mais aerodinâmico. No conjunto mecânico, destaque para o novo motor V8 de 6.2 litros, com injeção direta, que desenvolve 461cv e 62,9kgfm de torque, que trabalha em conjunto com o câmbio automático de oito marchas. O novo Camaro desembarca com a carroceria cupê, trazendo a série limitada Fifty, em comemoração aos 50 anos do modelo. Já a configuração SS conversível deve chegar somente no fim do primeiro trimestre de 2017.

O superesportivo manteve as formas musculosas e o capô alongado, com a parte frontal marcada por elemento retangular que emoldura a grade e os faróis, que ganharam lâmpadas de xênon e luz diurna com LEDs. O toque de esportividade no visual é acentuado com as novas entradas de ar no capô e no para-choque, que servem para melhorar a aerodinâmica e refrigerar freios e motor. As saias laterais deixaram o cupê ainda mais baixo e a linha de cintura elevada e janelas estreitas foram mantidas. As rodas raiadas de 20 polegadas fazem parte do conjunto, que traz ainda lanternas traseiras horizontais de dois elementos com LEDs, para-choque com vincos e saída dupla de escape. O aerofólio é exclusivo do modelo SS e passa a ser do tipo suspenso, sustentado por três pilares. O efeito prático disso é que houve um ganho de 50% no downforce traseiro, ajudando a manter o carro mais colado ao chão. 

General Motors/Divulgação
O cupê tem teto solar elétrico na lista de equipamentos de série e o conversível conta com capota com acionamento retrátil completamente automático. A operação pode ser feita remotamente pela chave ou por um botão no console, mesmo com o carro em movimento (até 50 km/h). De acordo com a engenharia da GM, o novo Camaro  está estruturalmente 28% mais rígido e 83 kg mais leve. Já a distribuição de peso é praticamente idêntica entre os dois eixos. Tudo isso devido ao uso abundante de materiais nobres, como o aço de alta resistência e o alumínio em diversos componentes do veículo. A suspensão, por exemplo, ficou 12 kg mais leve. O conjunto dianteiro agora é multi-link McPherson com geometria específica, barra estabilizadora e pivô duplo, enquanto o traseiro é do tipo independente com cinco braços, desenhado para proporcionar controle excepcional do veículo e não deixar a carroceria empinar em acelerações bruscas.

De série na versão SS, os freios de alta performance da marca Brembo trazem discos ventilados de 345 mm na dianteira e 338 mm na traseira, todos com pinças de quatro pistãos, ABS, distribuição da força de frenagem (EBD) e frenagem de urgência (PBA). Os pneus são de medidas 245/40 ZR20 (D) e 275/35 ZR20 (T). Por serem do tipo Run Flat, podem rodar emergencialmente mesmo furados. O Novo Camaro traz ainda uma série de tecnologias, como sistema de vetorização do torque, controle de tração e de estabilidade e um inédito seletor com quatro modos de condução (passeio, esportivo, neve, pista), que configura diversos parâmetros do veículo. Muda desde a sensibilidade do pedal do acelerador e do volante, passando pelo mapeamento da transmissão até a cor da ambientação da cabine. Outro destaque é o avançado sistema de vetorização do torque (Torque Vectoring), que usa recursos do controle eletrônico de estabilidade para a máxima performance do carro em curvas, possibilitando que as rodas recebam quantidade distinta de torque, na medida exata para a otimização da tração.

General Motors/Divulgação
A cabine do novo Camaro também traz modificações. No painel, a principal novidade é a tela de alta definição, de oito polegadas, entre os dois mostradores essenciais, que pode exibir informações adicionais de performance, de navegação, do multimídia e do computador de bordo. Outra tela, de oito polegadas, posicionada na parte central do painel e sensível ao toque, exibe as funções da mais avançada geração do multimídia MyLink, com Android Auto e Apple CarPlay, comando de voz e sistema de navegação com mapas em 3D. No console central, os comandos do sistema de ar-condicionado (dual zone) foram incorporados às molduras das saídas de ventilação e o freio de mão passa a ter acionamento elétrico.

General Motors/Divulgação
O Novo Camaro permite ainda a customização da iluminação dos LEDs internos que contornam o multimídia, os painéis de porta e o porta-copos central. São 24 opções de cores disponíveis. A cor ambiente também muda quando o motorista troca os modos de condução. Na posição passeio, indicado para uma condução mais tranquila, a iluminação fica azul clara. No modo pista, de comportamento mais esportivo, a iluminação fica vermelha. Os bancos dianteiros ganharam sistema de ventilação interno e ajuste elétrico com três opções de memória – válidas também para os retrovisores externos. Já o volante foi redesenhado, com base reta, aquecimento e o emblema Fifty em todas as configurações.

A linha 2017 do superesportivo da Chevrolet traz ainda na lista de itens de série partida remota pela chave ou por botão no painel, sistema de destravamento das portas por aproximação (keyless), carregador de celular wireless, sistema de som Bose, oito airbags, alerta de movimentação traseira, alerta de ponto cego com sensor de aproximação repentina e alerta de pressão e temperatura dos pneus.

General Motors/Divulgação
A série especial comemorativa ao cinquentenário do Camaro traz inúmeros itens específicos, como pintura cinza graphite, faixas decorativas no capô e na tampa traseira, grade versão "50th" com detalhes cromados, defletor dianteiro na cor do veículo, emblemas decorativos "Fifty" nas laterais do veículo, rodas de alumínio aro 20" com design especial e calota personalizada "50th", pinça de freio laranja, acabamento interno em dois tons (preto e cinza escuro), bancos e detalhes com costura laranja e emblema "Fifty", painel dianteiro com acabamento customizado, soleiras iluminadas com emblema comemorativo "50th". A GM separou apenas 100 unidades do novo Camaro para venda no Brasil. E o preço é R$ 297 mil.

MECÂNICA O Camaro 2017 chega equipado com o novo motor V8 6.2L, o mesmo do Corvette Stingray. O propulsor traz a nova geração do sistema Active Fuel Management (AFM) de desligamento automático dos cilindros. Em viagens mais tranquilas, o sistema de gerenciamento do motor desativa metade dos cilindros para poupar combustível. Conta ainda com sistema de injeção direta de combustível e comando de válvulas continuamente variável, que aumenta a oferta de torque e potência dentro da faixa de rotação do motor, além de proporcionar economia de combustível de 20% em relação à outra motorização.

General Motors/Divulgação
Em comparação ao modelo de geração anterior, a linha 2017 do superesportivo da Chevrolet ganha 55 cavalos potência e 7kgfm de torque. São 461cv a 6.000rpm e 62,9kgfm a 4.400rpm. A tração é traseira, como em carros de competição. A nova transmissão automática de oito marchas proporciona trocas extremamente rápidas. O motorista pode optar por fazer a passagem das marchas manualmente, por meio de aletas atrás do volante. O Camaro ainda traz um sistema de ressonadores que intensifica o ronco do som do motor dentro da cabine em giros mais altos.

Veículos

Encontre seu veículo

Últimas notícias

ver todas

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação