Publicidade

Estado de Minas FORMAS ATLÉTICAS E REDUZIDAS

Segunda geração do Cruze hatch chega menor e com porte mais atlético

Cruze Sport6 de segunda geração chega às concessionárias a partir de R$ 89.900 equipado com motor 1.4 turbo de até 153cv de potência. Mais curto que modelo anterior, hatch médio ganhou linhas mais esportivas


postado em 09/12/2016 17:54 / atualizado em 12/12/2016 18:20

(foto: Chevrolet/Divulgação)
(foto: Chevrolet/Divulgação)
Depois do sedã, em junho, a Chevrolet lança agora no Brasil o Cruze hatch, cujo nome oficial é Cruze Sport6. Naturalmente, a segunda geração do hatch traz as mesmas linhas do sedã, com capô e caixas de roda musculosos, teto arqueado e rodas de 17 polegadas. O dois-volumes ganhou os para-choques da versão RS, disponível apenas no mercado americano. A traseira é curta e deixa evidente a proposta de design mais esportiva e atlética em relação ao modelo anterior, que era mais encorpado.

O Cruze hatch ficou 22cm mais curto em relação ao sedã, sendo que esta diferença na geração anterior era de apenas 7cm. Apesar disso, o modelo ganhou um centímetro na distância entre-eixos, o que indica que o espaço para o passageiro não foi sacrificado. Já o porta-malas, que era excelente, teve seu volume reduzido de 402 litros para 290 litros. O interior é exatamente igual ao do sedã, com acabamento em couro e painel em material emborrachado.

TURBO
O conjunto mecânico também é o mesmo que fez sua estreia no Cruze sedã: motor flex 1.4 turbo com injeção direta de combustível e câmbio automático de seis marchas. São até 153cv de potência a 5.200rpm e 24,5kgfm de torque a 2.000rpm (ambos com etanol), sendo que 90% está disponível na faixa plana entre 1.500rpm e 5.000rpm. Para economizar combustível, o sistema start-stop, que desliga o veículo quando ele está parado e o liga automaticamente assim que o motorista tira o pé do freio, é de série. As suspensões trazem a configuração tradicional McPherson na dianteira e eixo de torção atrás

(foto: Chevrolet/Divulgação)
(foto: Chevrolet/Divulgação)
CONTEÚDO São duas versões disponíveis. A LT (R$ 89.990) é a de entrada e vem equipada com controle eletrônico de tração e de estabilidade, freios ABS com EBD, sistema de frenagem de emergência, assistente de partida em rampas, monitoramento da pressão dos pneus, câmera de ré, o sensor de estacionamento traseiro, direção elétrica progressiva, luz de condução diurna, controle de cruzeiro, bancos revestidos em couro, airbags frontais e laterais, sistema Isofix de fixação de assento infantil, sistema multimídia MyLink e OnStar.

A LTZ (R$ 101.190) é a versão topo de linha e acrescenta teto solar, airbags de cortina, faróis com regulagem de altura, luz de condução diurna com LED, sensor de estacionamento dianteiro, sensor de chuva, farol automático, abertura das portas e partida por sensor de aproximação da chave, acionamento da ignição por controle remoto, retrovisores com rebatimento elétrico e aquecimento, retrovisor interno eletrocrômico, sistema multimídia MyLink com tela de 8 polegadas e GPS integrado e rodas com acabamento escurecido.

(foto: Chevrolet/Divulgação)
(foto: Chevrolet/Divulgação)
Como opcionais, a versão de topo do Cruze Sport6 oferece um pacote que custa R$ 9.800, que inclui o assistente de permanência na faixa, alerta de colisão frontal, alerta de ponto cego, assistente de estacionamento, farol alto inteligente, carregador de celular sem fio (para aparelhos compatíveis com a tecnologia), banco do motorista com ajustes elétricos e monitoramento da distância do veículo à frente. O Cruze hatch marca a introdução da função Diagnóstico Avançado no OnStar, que informa instantaneamente por meio de um aplicativo se há algum problema no motor ou transmissão do veículo, assim como nos airbags, controles de tração e freios.

(foto: Chevrolet/Divulgação)
(foto: Chevrolet/Divulgação)
FICHA TÉCNICA

MOTOR Dianteiro, transversal, quatro cilindros em linha, 1.399cm³ de cilindrada, 16 válvulas, que desenvolve potências de 150cv (gasolina) a 5.600rpm e 153cv (etanol) a 5.200rpm e torques de 24kgfm (g) a 2.100rpm e 24,5kgfm (e) a 2.000rpm

TRANSMISSÃO Tração dianteira, com câmbio automático de seis velocidades

SUSPENSÃO/RODAS/PNEUS Dianteira, independente do tipo McPherson, com barra estabilizadora ligada a hastes tensoras; e traseira semi-independente, tipo eixo de torção/de liga leve de 7x17 polegadas/215/50 R17

DIREÇÃO Do tipo pinhão e cremalheira, com assistência elétrica progressiva

FREIOS A discos ventilados na dianteira e sólidos na traseira, com ABS e distribuição eletrônica de frenagem (EBD)

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade