Publicidade

Estado de Minas

Jetta na parede - Avaliação técnica

Saiba quais são os principais equipamentos de série e os poucos opcionais que fazem o preço do carro ir além de R$ 100 mil. Confira qualidades e problemas


postado em 03/02/2007 10:05

Análise feita pela fisioterapeuta Danielle Pongellupe(foto: Arte de Henrique Lima sobre Arte de Paulinho Miranda/EM)
Análise feita pela fisioterapeuta Danielle Pongellupe (foto: Arte de Henrique Lima sobre Arte de Paulinho Miranda/EM)
BOM

Altura do solo
Com carga útil de 400 kg não foram relevadas interferências com o solo. Por prevenção, tem chapa em aço que engloba toda a zona inferior do motopropulsor (motor e câmbio).

Climatização
O sistema é automático, digital, com opção de temperatura diferenciada para condutor e passageiro, além de difusor de ar duplo ajustável no final do console central para os passageiros de trás. Tem bom funcionamento com baixo tempo para dar a sensação de conforto no habitáculo e ausência de admissão de gases/fumaça do exterior. O porta-luvas tem saída climatizada.

Freios
O sistema tem ABS com ESP, EDS e ASR integrados e bem calibrados. O pedal de freio tem uma boa sensibilidade sem ser imediato demais. As suas reações são equilibradas nos dois eixos e apresenta bom comportamento dinâmico no uso mais severo e esportivo. O freio de estacionamento sustenta o automóvel lastrado em aclive/declive.

Câmbio
É automático com seis marchas e tem opção de condução no modo manual seqüencial (tiptronic), limitado às rotações do motor, e automático esportivo. As relações de marchas estão muito bem escalonadas e proporcionam ótima dinâmica do veículo no uso misto (cidade/estrada). As respostas em kick down são eficientes, imediatas e as trocas normais, sem trancos. O quadro de instrumentos tem display indicando modo de condução e marcha selecionada.

Motor
É brilhante o desempenho para a sua cilindrada e arquitetura com cinco cilindros. O funcionamento é bem elástico e silencioso, além do agradável som de aspiração do motor em rotação elevada. As retomadas de velocida de e aceleração são muito boas. Proporciona dirigibilidade agradável e as respostas são dignas de motor de maior capacidade volumétrica.

Vedação
Boa contra água.

Direção
A coluna de direção tem ajuste em altura e profundidade. O diâmetro de giro em manobras apertadas é bom, assim como a velocidade do efeito retorno. A precisão na reta e em curvas feitas em alta velocidade é boa e o sistema assistido tem excelente sensibilidade, firmeza e reações homogêneas, sendo confortável e com boa leveza no uso urbano.
Roda de liga leve aro 16 é equipamento de série. Apoio de cabeça central traseiro não cumpre a função porque a regulagem em altura é limitada(foto: Marlos Ney Vidal/EM - 25/1/07)
Roda de liga leve aro 16 é equipamento de série. Apoio de cabeça central traseiro não cumpre a função porque a regulagem em altura é limitada (foto: Marlos Ney Vidal/EM - 25/1/07)

Iluminação
O grupo óptico anterior é xenônio, com ótima eficiência em iluminação, apesar da parábola única para a luz baixa e alta. A outra parábola é com lâmpadas halógenas com função apenas de lampejador durante o dia. O conjunto tem lavador dos faróis. Há luz de cortesia no porta-malas, porta-luvas, pára-sóis, zona dos pés do condutor e passageiro da frente. Na zona do teto a iluminação é composta por uma lanterna com dois spots fixos junto ao retrovisor e outra igual para os passageiros de trás, com bom resultado.

Estepe/macaco
O estepe está dentro do porta-malas. A roda é em aço, mas o pneu é igual aos de uso. O kit de troca está encaixado dentro do aro da roda. A operação de troca é normal, mas têm que ser retirar as coberturas plásticas que encobrem as cabeças dos parafusos. Há porca auto-adaptadora contra o furto.

Limpador de pára-brisa
Os eficientes esguichos são do tipo spray em V, que quando acionados ativam automaticamente o sistema de varredura e atingem área considerável, com palhetas de qualidade. É fácil o reabastecimento dágua no reservatório dentro do vão do motor. O sistema não tem sensor de chuva.

Ferramentas
Tem uma chave de fenda conjugada com Philips.

Alarme
O sistema é completo com proteção volumétrica no habitáculo, perimétrica das partes móveis e chave de ignição codificada. Ao dar comando para travar as portas os vidros sobem automaticamente se continuar pressionando a tecla. O sistema antiesmagamento funcionou bem.

Volume do porta-malas
Declarado pela fábrica 527 litros e confirmado pela nossa medição.

REGULAR

Acabamento da carroceria
A qualidade final da pintura é razoável. A tampa do porta-malas está descentralizada e o capô desnivelado em relação aos pára-lamas, mas as portas têm montagem satisfatória.

Vão do motor
O motor de cinco cilindros montado transversalmente preenche todo o vão, limitando bem o acesso à manutenção de vários componentes. Há isolamento termo-acústico somente no painel de fogo, sendo satisfatório o resultado em insonorização. Os itens de verificação constantes têm fácil identificação e manuseio.

Nível interno de ruídos
Os ruídos no habitáculo são poucos, mas o efeito aerodinâmico é notório já a 110 km/h, piorando bem em alta velocidade.

Suspensão
O conforto de marcha satisfaz bem com somente condutor, mas tem perda significativa com cinco adultos, bagagem e a pressão dos pneus recomendada para esta condição. A estabilidade é boa em geral e a inclinação da carroceria, moderada. No uso esportivo, os eficientes sistemas eletrônicos de estabilidade e tração entram em ação nos limites de aderências lateral e direcional.

Avaliações do engenheiro Daniel Ribeiro Filho, da Tecnodan

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade