Publicidade

Estado de Minas

Contra a parede - Avaliação técnica

Saiba como o sedã se saiu em nossas avaliações


postado em 09/03/2007 23:45

Análise feita pela fisioterapeuta Danielle Pongellupe(foto: Arte de Henrique Lima/Uai sobre Arte/EM)
Análise feita pela fisioterapeuta Danielle Pongellupe (foto: Arte de Henrique Lima/Uai sobre Arte/EM)
BOM

Climatização
Apresentou bom funcionamento, com melhor vazão pelos novos difusores de ar do painel e menor nível de ruídos. Sistema está bem vedado.

Freios
Comportamento dinâmico foi bom no uso em geral, com reações balanceadas nos dois eixos. Pedal de freio tem boa sensibilidade. Em frenagens fortes de emergência, manteve a trajetória, e o espaço percorrido até a imobilização foi coerente com a velocidade. Freio de estacionamento funcionou normalmente.

Câmbio
Qualidade de engate é muito boa e as relações de marcha/diferencial proporcionam uma boa dirigibilidade no uso misto (cidade/estrada).

Motor
Propulsor é elástico e sistema flex funciona muito bem. Com 100% de álcool no tanque, apresentou partida a frio instantânea, excelente progressividade na aceleração e marcha lenta regular. Com o combustível derivado da cana, a performance é muito boa, com eficientes retomadas de velocidade e aceleração, mesmo com ar-condicionado ligado. Com gasolina, perde bem em potência e torque, mas apresenta rendimento aceitável.

Vedação
Boa contra água e poeira.

Limpador de pára-brisa
Ao esguichar água no pára-brisa, as palhetas (de boa qualidade) varrem automaticamente ampla área. O acesso ao reservatório de água no vão do motor é fácil.

Estepe/macaco
O pneu é igual aos de uso, mas a roda não é em liga leve. A operação de troca é normal e conta com o auxílio de prisioneiros fixos nos cubos de roda.

REGULAR

Vão do motor
Reservatório de partida a frio tem fácil acesso. Para evitar vazamento de gasolina para dentro do vão e risco de incêndio, existe uma bandeja emborrachada ao redor do gargalo, mas falta dreno para o chão. Motor preenche todo o vão, limitando bem o acesso à manutenção de vários componentes. Isolamento acústico tem resultado apenas aceitável, pois é nítida a transferência do barulho de funcionamento do motor em alta rotação e compressor do ar-condicionado.
Bom espaço no banco traseiro permite acomodar pessoas mais altas com conforto. Com capacidade para 478 litros, porta-malas continua sendo um dos pontos positivos(foto: Marlos Ney Vidal/EM - 22/2/07)
Bom espaço no banco traseiro permite acomodar pessoas mais altas com conforto. Com capacidade para 478 litros, porta-malas continua sendo um dos pontos positivos (foto: Marlos Ney Vidal/EM - 22/2/07)

Altura do solo
Não tem proteção inferior para cárter e câmbio. Ao trafegar com carga máxima, ocorreram leves raspadas na parte central do chassi, ao transpor quebra-molas salientes e curtos e ao trafegar sobre estrada de terra com várias imperfeições.

Nível interno de ruídos
O habitáculo não é silencioso, pois apresentou vários ruídos quando o carro trafega sobre piso de paralelepípedo, terra e asfalto malconservado. Efeito aerodinâmico (passagem do ar pela carroceria) é evidente a partir de 100km/h, piorando bem acima disso.

Suspensão
Não tem bom acerto em termos de conforto, sendo aceitável com apenas o condutor, piorando bem com o veículo carregado. A estabilidade é muito boa.

Direção
Sistema tem boa calibragem e apresentou boa precisão em retas e curvas, com reações homogêneas. Diâmetro de giro em manobras de estacionamento é bom, e o efeito retorno tem boa velocidade. Caixa de direção apresentou pequena rumorosidade em curvas fechadas sobre piso de paralelepípedo e terra com imperfeições.

Iluminação
Novos faróis apresentaram melhor resultado em iluminação, tanto no baixo quanto no alto, mas falta regulagem elétrica da altura do facho, em função da carga transportada. Existe luz de cortesia somente no porta-luvas e no porta-malas. No teto, tem uma lanterna junto ao retrovisor, com dois spots fixos e uma luz de leitura do lado direito traseiro, com resultado razoável.

Alarme
Modelo avaliado não tem proteção perimétrica das partes móveis, nem volumétrica (dentro do habitáculo), apenas chave de ignição codificada.

RUIM

Acabamento da carroceria
Farol do lado esquerdo não perfila com a curvatura do pára-lama, deixando vão grande. Tampa do porta-malas está descentralizada e desnivelada. Capô tem montagem razoável, mas as quatro portas estão desniveladas. Qualidade final da pintura é ruim, pois há vários pontos com impurezas.

Ferramentas
Não tem.

EXTRA

Porta-malas
Volume declarado pela fábrica é de 463 litros, confirmado pela medição.

(*) Avaliações do engenheiro Daniel Ribeiro Filho, da Tecnodan

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade