Contra a parede - Avaliação técnica

Saiba como o crossover se comportou no teste

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 26/09/2007 15:05 Caderno de Veículos /Estado de Minas
Marlos Ney Vidal/EM - 30/8/07
BOM

Climatização
A vazão pelos difusores de ar do painel e das colunas B (passageiros de trás) é muito boa, bem distribuída e proporciona habitáculo climatizado, em razoável espaço de tempo, com o veículo fechado sob o sol por meia hora. O nível de ruídos de funcionamento é baixo. Está bem vedado.

Freios
Estão muito bem dimensionados e calibrados, com ótimo comportamento dinâmico no uso misto. O ABS com EBD atuou com eficiência. O pedal de freio tem boa sensibilidade, e o sistema, reações equilibradas. Não apresentou superaquecimento, nem perda de eficiência, após uso mais severo. Em frenagem de emergência (asfalto/terra), é boa a desaceleração, sem alterar a trajetória.

Câmbio
A transmissão do tipo CVT é muito eficiente e proporciona excelente dinâmica. O quadro de instrumentos tem display bem dimensionado, informando o modo e marcha de condução selecionados. As respostas em kick-down são boas.

Motor
Sua performance é notável. É extremamente silencioso e elástico e, acoplado ao câmbio CVT, proporciona ótima dirigibilidade. As retomadas de velocidade e aceleração são muito boas e a perda, com carga máxima e ar-condicionado ligado, é desprezível.

Vedação
Boa contra água e poeira.

Direção
Os pneus não atendem ao uso 4x4, com baixo atrito no solo. O diâmetro de giro é satisfatório e o efeito retorno tem boa velocidade. A precisão na reta e em curvas é boa e apresentou nível baixo de ruídos do conjunto, em curvas sobre piso de calçamento e terra, com costelas.
Encosto de cabeça e cinto de três pontos para todos os ocupantes. Já o porta-malas tem capacidade razoável para as dimensões do veículo - Encosto de cabeça e cinto de três pontos para todos os ocupantes. Já o porta-malas tem capacidade razoável para as dimensões do veículo

Iluminação
Os faróis dianteiros são muito eficientes, com xenônio no baixo e no alto (parábola simples) e regulagem automática de altura. Não há faróis auxiliares de neblina. No habitáculo, a iluminação é distribuída, com duas luzes de leitura na parte da frente, e mais duas para os passageiros de trás, além de uma lanterna na parte central do teto. Dispõe de luz de cortesia no porta-malas (dupla), porta-luvas, pára-sóis e base inferior das portas dianteiras. Há lavador de faróis, mas sem palhetas.

Estepe/macaco
O estepe, que tem a roda e o pneu iguais aos de uso, fica dentro do porta-malas. Para retirá-lo, é necessário soltar o módulo de potência do som, que está fixado no aro. A própria extensão de acionamento do macaco tem uma das extremidades do tipo fenda, para retirar a calota central. A operação de troca é normal e conta com o auxílio de cinco prisioneiros fixos, por cubo, para melhor apoio e centragem da roda.

Limpador de pára-brisa
Os esguichos são do tipo spray em V, têm boa vazão e ao acioná-los as palhetas de boa qualidade varrem uma ampla área. No vidro traseiro, o sistema também é eficiente. O reservatório dágua instalado no vão do motor tem fácil acesso, identificação e há luz espia no quadro de instrumentos, indicando quando vazio.

REGULAR

Acabamento dacarroceria
A montagem das partes móveis é satisfatória, em centralização e nivelamento. O farol dianteiro direito não está perfilado com o pára-lama, deixando vão aparente. A qualidade final da pintura está razoável.

Vão do motor
O motor V6 e seus componentes externos preenchem todo o vão, limitando bem o acesso à manutenção, em geral. Os itens de verificação permanente têm fácil identificação e manuseio. A qualidade de sua insonorização, em relação ao habitáculo, é excepcional.

Altura do solo
Não tem proteção inferior para o cárter e a caixa de marchas. Os ângulos de ataque (28º) e saída (25º) são razoáveis, na utilização fora-de-estrada leve. Com carga útil de cinco pessoas, bagagem e andando sobre estrada de terra irregular e ao transpor quebra-molas salientes, ocorreram leves raspadas na parte da frente e central.

Nível interno de ruídos
Ao trafegar em estrada de terra, paralelepípedo e asfalto em má conservação, surgem vários pequenos ruídos no habitáculo. O efeito aerodinâmico é contido, mesmo em velocidades mais altas.

Suspensão
Merece destaque o excepcional acerto na calibragem e geometria das suspensões. O conforto de marcha surpreende, pela transferência mínima das imperfeições do solo. Mas, ao passar em buracos e irregularidades na estrada de terra e asfalto ruim, as suspensões, principalmente a dianteira, são barulhentas. A estabilidade é muito boa, pela precisão e pouca inclinação da carroceria. No limite de aderência direcional e lateral, o controle eletrônico de estabilidade atuou com eficiência.

Alarme
Tem chave de ignição codificada, com imobilizador do motor e proteção perimétrica das partes móveis, mas falta a volumétrica, contra a invasão, com a quebra dos vidros.

RUIM

Ferramentas
Não tem.

EXTRA

Volume do porta-malas
O declarado pela fábrica é de 480 litros. Com o banco traseiro na posição normal e a cortina superior do porta-malas fechada, a capacidade encontrada foi de 420 litros.

(*) Avaliações do engenheiroDaniel Ribeiro Filho, da Tecnodan

Veículos

Encontre seu veículo

Últimas notícias

ver todas
04 de agosto de 2018
30 de julho de 2018

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação