Citroën C4 Pallas 2.0 16V - Imponência com estilo moderno

Dirigibilidade é um dos pontos fortes do Citroën C4 Pallas 2.0, que tem conjunto de suspensões que privilegiam a estabilidade. Mas funcionamento do motor é ruidoso

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 06/04/2008 03:56 Enio Greco /Estado de Minas
Linhas traseiras chamam mais a atenção pelo formato e tamanho das lanternas - Fotos: Marlos Ney Vidal/EM Linhas traseiras chamam mais a atenção pelo formato e tamanho das lanternas

Os números da Citroën mostram que o consumidor brasileiro tem gostado do sedã médio C4 Pallas, preferencialmente da versão equipada com câmbio automático. De acordo com o fabricante, 75% do mix do modelo sai da fábrica da Argentina com a transmissão automática. Para um automóvel dessa categoria, não é estranho que isso esteja acontecendo. Mas quem tiver a oportunidade de comparar certamente vai perceber que o carro apresenta melhor desempenho equipado com câmbio manual.

A transmissão automática existente no C4 Pallas tem a opção de trocas seqüenciais e tecnologia para adequá-la à forma de conduzir do motorista. Mas são apenas quatro marchas, limitando o desempenho. Já a versão com câmbio manual é bem mais esperta, apesar de o sedã ser equipado com motor de quatro cilindros. Merecia um seis cilindros, por seu tamanho avantajado. Mas mesmo assim o conjunto motor e câmbio proporciona ao Pallas bom desempenho.

O motor tem bom torque, permitindo arrancadas rápidas e retomadas seguras. O único problema é que está no limite , sendo ruidoso nas altas rotações. A transmissão tem relações de marchas bem definidas, mas na estrada há momentos em que o carro pede a sexta marcha. Os engates do câmbio são macios e precisos e o curso da alavanca está na medida certa.

As suspensões são destaque nesse modelo Citroën, garantindo total estabilidade e segurança em curvas. Mas sobre pisos irregulares e ao transpor quebra-molas se mostram um pouco ásperas e barulhentas. O sistema de freios é completo, com ABS e controle de distribuição de frenagem, tornando-o muito eficiente. O modelo tem de série, ainda, controle de tração, que torna a condução ainda mais segura em pisos escorregadios. A direção recebeu calibragem um pouco mais pesada, mas não chega a dificultar a ação do motorista em manobras de baixa velocidade e garante segurança, quando se trafega mais rápido.

Velocímetro digital central faz motorista perder atenção ao desviar o olhar - Velocímetro digital central faz motorista perder atenção ao desviar o olhar
Fora isso, o Citroën C4 Pallas é elegante, com desenho ousado e moderno. Os grandes faróis de formas irregulares se equilibram com as lanternas traseiras. A grade frontal de barras cromadas, formando o desenho do Chevron, é característica comum na linha de modelos da marca francesa. Já o pára-brisa com inclinação acentuada e teto arqueado é tendência atual.

Assista o vídeo sobre os equipamentos de segurança do C4 Pallas



O espaço interno do C4 Pallas é ideal para quatro pessoas, já que no meio do banco traseiro o túnel central no assoalho dificulta o acomodação das pernas. Ali falta também o encosto de cabeça, apesar de ter cinto de segurança de três pontos retrátil. O porta-malas é muito grande e leva com folga toda a bagagem da família. Outro destaque no Pallas é a boa qualidade do acabamento interno, com material emborrachado no painel e couro nos bancos.

O painel tem quatro visores digitais, sendo três no centro, o que para muitos não é prático, pois obriga o motorista a desviar a visão para o lado. Apenas o visor do conta-giros fica bem em frente, atrás do volante. Mas quem dirige um C4 Pallas tem todos os comandos à mão, além de todas as informações necessárias no computador de bordo. O charme é o volante com o miolo fixo e comandos para som, ar-condicionado e controle automático de velocidade.

Veículos

Encontre seu veículo

Últimas notícias

ver todas
04 de agosto de 2018
30 de julho de 2018

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação