Avaliação técnica do Nissan X-Trail

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 21/03/2009 23:15 Caderno de Veículos /Estado de Minas
Motor 2.0 16V tem 138 cv de potência. Roda de liga aro 16 e pneu de medida 215/65 - Motor 2.0 16V tem 138 cv de potência. Roda de liga aro 16 e pneu de medida 215/65
BOM

Vão do motor
O resultado da insonorização do vão em relação ao habitáculo é boa. O acesso à manutenção é bom e os itens de verificação permanente têm fácil identificação e manuseio.

Altura do solo
Os ângulos de ataque e saída satisfazem para uma utilização off-road leve e uso sobre estrada de terra batida com algumas imperfeições. Não ocorreram interferências com o solo.

Veja mais fotos do Nissan X-Trail!

Climatização
É por comando manual com modo automático. Não tem opção de ajuste de temperatura diferenciada para condutor e passageiro. A vazão de ar pelos difusores frontais do painel e do console central proporciona um ambiente climatizado com sensação de conforto em um tempo satisfatório. Está bem vedado e a rumorosidade de funcionamento da caixa de ar mesmo na velocidade máxima não incomoda.

Freios
Estão bem dimensionados e bem calibrados, com ABS eficiente para o peso do veículo e rendimento do motor. O pedal de freio tem boa sensibilidade e o sistema apresentou reações equilibradas nos dois eixos. O freio de estacionamento atuou normalmente e está instalado entre os bancos dianteiros. Não houve perda de eficiência frenante após uso mais constante em longa descida sinuosa.

Câmbio
Apresentou um ótimo funcionamento com suavidade de marcha e respostas razoáveis em situação de kick-down, sendo mais imediato e eficiente na opção de uso sport (tecla na lateral do pomo), em que a dinâmica do automóvel é bem superior. No quadro de instrumentos tem display informando o tipo de marcha e modo selecionado.

Motor
É o mesmo conjunto do Sentra. A sua performance agrada bem no uso em geral, mas sem brilho esportivo. As retomadas de velocidade e aceleração são satisfatórias e compatíveis com a curva do motor e peso do veículo. A rumorosidade de funcionamento é baixa.

Vedação
Boa contra água e poeira.
Fotos: Marlos Ney Vidal/EM/D.A Press - 5/3/09

Suspensão
O conforto de marcha satisfaz e a estabilidade é bem razoável pela boa precisão em curvas de raios variados e pela inclinação moderada da carroceria. No uso mais esportivo e utilizando-se a opção de tração Auto, é confiável e seguro o seu comportamento dinâmico em curvas sobre asfalto liso e seco e terra batida. Não tem controles eletrônicos de tração e estabilidade.

Direção
A coluna de direção tem ajuste angular em altura com bom curso e o volante tem boa pega. O diâmetro de giro é bom, assim como a velocidade do efeito/retorno. É precisa e em curvas responde bem a trajetória. O conjunto apresentou baixa rumorosidade em curvas sobre piso irregular numa utilização severa e com o veículo em velocidade.

Limpador de pára-brisa
Não tem sensor de chuva. Ao esguichar quatro jatos d’água no pára-brisa, que tem boa vazão e pressão, o sistema de limpeza atua automaticamente por meio de palhetas de qualidade que varrem uma área razoável. No vidro traseiro o esguicho lateral tem dupla vazão e a palheta limpa uma área aceitável. Dentro do vão motor é fácil o manuseio e identificação do reservatório d'água.

Estepe/Macaco
O kit de troca está instalado na lateral esquerda do porta-malas em fundo falso. O estepe que tem a roda em aço e pneu igual aos de uso está acondicionado dentro do porta-malas no fundo falso do assoalho. A operação de troca é normal, sendo que os pontos de apoio do macaco são nas soleiras, e são cinco os prisioneiros fixos por cubo o que facilita no apoio da roda e centragem da mesma.

REGULAR

Acabamento da carroceria
A qualidade da pintura é razoável. A montagem dos recobrimentos plásticos das curvaturas dos para-lamas, soleiras e apliques nos para-choques é bem-feita, assim como as barras longitudinais e transversais do teto. As quatro portas estão desniveladas e a tampa traseira e o capô descentralizados.

Iluminação
O farol tem duplo refletor e conta com auxilio de faróis de neblina embutidos no pára-choque e de longo alcance instalados na extremidade anterior das barras longitudinais do teto. A eficiência é boa no baixo e no alto, mas não tem regulagem elétrica de altura. Há luz de cortesia somente na base inferior das portas dianteiras. Na zona do teto tem duplo spot fixo junto ao retrovisor, duas lanternas nas laterais traseiras para os passageiros de trás e uma lanterna no final do teto acima do vão de carga. Não tem sensor crepuscular. A lanterna traseira direita apresentou infiltração de água na prova d’água estática.

Alarme
A chave de ignição é codificada com sistema NATS e tem proteção perimétrica das partes móveis, mas não tem a volumétrica contra a invasão do habitáculo por meio da quebra dos vidros.

RUIM

Nível interno de ruído
Ao trafegar sobre piso de paralelepípedo, terra com costelas e asfalto em má conservação, surgem vários pequenos ruídos em todo o habitáculo. O efeito aerodinâmico é evidente em velocidades mais altas.

EXTRA

Volume do porta-malas
O declarado pela fábrica é de 603 litros, sendo encontrado na nossa medição 480 litros com o assento e encosto do banco traseiro na posição normal, com a cortina superior estendida e sem utilizar os porta-trecos abaixo do plano superior do porta-malas.

Avaliações do engenheiro Daniel Ribeiro Filho, da Tecnodan

Veículos

Encontre seu veículo

Últimas notícias

ver todas
04 de agosto de 2018
30 de julho de 2018

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação