Citroën Aircross 1.6 16V Exclusive - No rumo certo

Veja como o novo Citroën se comportou nos testes e confira os principais erros e acertos em ergonomia

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 30/09/2010 18:57 Paulo Eduardo /Estado de Minas
Fotos: Marlos Ney Vidal/EM/D.A. Press
De série
Conforto/conveniência – Controlador automático de velocidade; vidros, travas e retrovisores externos com comando elétrico; apoio de braço central dianteiro; ar-condicionado digital; banco do motorista com regulagem de altura; banco traseiro com encosto rebatível 1/3 e 2/3; chave com comando à distância de abertura das portas e destravamento do estepe; ganchos para bagagem no porta-malas; luzes de eitura dianteira e traseira; mesinhas atrás dos encostos dos bancos dianteiros; computador de bordo; porta-luvas refrigerado; porta-revistas no costado dos bancos dianteiros; rádio CD Player com MP3 com comando no volante seis alto-falantes entrada USB e iPod Bluetooth som digital; tomadas de 12V dianteiras e volante com comandos de rádio e controle multifunção.

Segurança – ABS com EBD, airbag duplo frontal; acendimento automático do pisca em caso de frenagem de urgência; aviso sonoro da falta de uso do cinto de segurança; alarme com abertura de portas à distância; faróis de neblina.

Aparência – Barras de teto longitudinais; maçanetas com acabamento cromado; para-choques na cor do veículo; pedais esportivos com detalhes cromados; retrovisores externos com detalhes cromados; manopla de câmbio esportivo; revestimento dos bancos em couro; rodas de liga aro 16 (5) e volante em couro com detalhes cromados.

Opcionais
Airbags de tórax laterais dianteiros; sensor de estacionamento traseiro; sensor de chuva; limpadores de para-brisa indexados à velocidade do carro, faróis com acendimento automático e navegador com ecram integrado de 7 polegadas.

Motor
Dianteiro, transversal, quatro cilindros em linha, 1.587cm³ de cilindrada, 16 válvulas, que desenvolve potências máximas de 110cv (gasolina) e 113cv (álcool) a 5.600rpm e torques máximos de 14,5kgfm (gasolina) e 15,8kgfm (álcool) a 4.000rpm

Transmissão
Tração dianteira e câmbio manual de cinco marchas

Direção
Do tipo pinhão e cremalheira, com assistência hidráulica de vazão variável

Suspensões/rodas/pneus
Dianteira, rodas independentes, do tipo McPherson, com braços inferiores triangulares e barra estabilizadora; e traseira, travessa deformável e barra estabilizadora/  liga leve de 16 polegadas/205/60 R16 de uso misto

Freios
Disco ventilado na dianteira e tambor na traseira, com ABS e repartidor eletrônico de frenagem

Capacidades
Peso (kg), 1.404; porta-malas (litros), 380; de carga (passageiros e bagagem), 408kg; tanque (litros), 55

Quanto custa
O Aircross Exclusive tem preço sugerido de R$ 61.900 e completo, R$ 66.600. Na versão GL, de R$ 53.900 e GLX, de R$ 56.400.

Notas (0 a 10)

Desempenho    6
Espaço interno    8
Porta-malas    8
Suspensão/direção    7
Conforto/ergonomia    8
Itens de série/opcionais    8
Segurança    9
Estilo    8
Consumo    5
Tecnologia    8
Acabamento    8
Custo/benefício    8

Acabamento da carroceria
A pintura tem bom acabamento. As quatro portas estão desniveladas e a tampa traseira descentralizada. O capô está desalinhado em relação ao painel dianteiro. Faróis, lanternas, para-choques, recobrimento das soleiras, coberturas plásticas das curvaturas do para-lamas, retrovisores, pestanas, barras longitudinais do teto e adesivos laterais têm boa montagem.  

Vão motor
O vão é pequeno e totalmente preenchido pelo motor e seus componentes externos, limitando muito o acesso à manutenção. O ângulo de abertura do capô é bom. O resultado da insonorização em relação ao habitáculo é razoável.

Altura do solo
Há chapa em aço vazado para toda a zona inferior do motopropulsor. Não ocorreram interferências com o solo no percurso misto de provas.

Climatização
É automático digital. No painel são cinco os difusores de ar de formato circular e giram 360°. Não tem regulagem diferenciada de temperatura para condutor e passageiro, nem difusor de ar específico instalado no console central para os passageiros de trás. Apresentou bom funcionamento e está bem vedado.

Freios
O sistema tem bom comportamento dinâmico nos dois eixos e boa resistência térmica. O pedal de freio tem boa sensibilidade, e o ABS atuou com eficiência, assim como o freio de estacionamento.

Câmbio
As relações de marchas/diferencial são razoáveis em função da curva do motor e peso do veículo, e apenas aceitáveis numa topografia irregular, no qual as trocas são constantes. A qualidade de engate é boa, mas o trambulador é rumoroso. O curso da alavanca é aceitável, e o pomo tem boa pega e ótimo acabamento. Em terceira marcha a 60km/h indicados no painel, o motor gira a 3.000rpm, e em quinta a 110km/h a 3.500rpm.

Motor
Trabalha no limite de uma dirigibilidade razoável. Em algumas situações de relevo, carga máxima e com ar-condicionado ligado, é lento e rende pouco. Não tem brilho dinâmico e as retomadas de velocidade e aceleração são razoáveis/ aceitáveis, dependendo das condições de uso. Há mínimo ganho em dirigibilidade com somente etanol no tanque. O sistema flex atuou bem, e a rumorosidade de funcionamento é normal para um multiválvulas.

Vedação
Boa contra água e poeira.  

Nível interno de ruídos
Não é um automóvel com habitáculo silencioso, mas o efeito aerodinâmico é aceitável mesmo em alta velocidade.  

Suspensão
A suspensão dianteira apresentou-se rumorosa em alguns tipos de imperfeições no solo. A estabilidade é satisfatória numa utilização normal e aceitável numa condução mais rápida sobre asfalto liso e terra batida (em que os pneus de uso misto contribuem). A inclinação da carroceria é moderada, e a precisão em curvas satisfaz. O conforto de marcha não tem um bom acerto, devido ao grau das transferências das imperfeições do solo para dentro. Os pneus de uso misto homologados da série 60 aro 16 seriam mais funcionais em conforto, absorção a impactos e até com pequeno ganho em altura do solo se fossem da série 70 aro 15, além de melhorar o estilo deste modelo.  

Direção

O volante tem boa pega e desenho diferenciado. A coluna de direção tem regulagem manual em distância e altura com um bom curso. A velocidade do efeito/retorno e o diâmetro de giro satisfazem. A precisão na reta e em curvas é boa. Em curvas sobre paralelepípedo, terra e asfalto ruim, o conjunto apresentou baixa rumorosidade. As cargas do sistema assistido estão bem definidas.

Iluminação
Há luzes de cortesia no porta-malas, porta-luvas e duas lanternas no teto (dianteira com duplo spot fixo integrado e traseira), com resultado satisfatório em iluminação. O quadro de instrumentos com iluminação permanente é de fácil leitura, assim como a identificação dos interruptores elétricos instados nos painéis de porta. Os faróis têm duplo refletor, boa eficiência no baixo e no alto e contam com auxílio de faróis de neblina embutidos no para-choque, mas não há regulagem elétrica de altura em função da carga transportada. O display multifunção e GPS instalado na zona central superior do painel são de fácil identificação e leitura das informações solicitadas.

Estepe/ macaco
O estepe está fixado em suporte externo, que tem trava elétrica e braço móvel para abertura. O pneu e a roda são iguais aos de uso. O kit de troca está instalado dentro do porta-malas no assoalho e existe porca autoadaptadora antifurto. A operação de troca é normal, mas é necessário retirar as tampas plásticas que encobrem as cabeças dos parafusos com grampo específico.  

Limpador de para-brisa
Os esguichos do para-brisa são do tipo spray em “V”, com boa vazão e abertura, e quando acionados ativam palhetas de boa qualidade, que varrem uma área satisfatória. No vidro traseiro o sistema é também eficiente. Há sensor de chuva e é fácil a identificação e manuseio do reservatório d’água instalado dentro do vão motor.  

Alarme
O sistema é completo, com chave de ignição do tipo canivete com transponder, proteção volumétrica dentro do habitáculo e perimétrica das partes móveis. O vidro do condutor tem função de abertura/ fechamento por um toque, e o sistema antiesmagamento atuou com precisão.  

Volume do porta-malas
O declarado pela fábrica é de 403 litros, e o encontrado foi 380 litros com o banco traseiro na posição normal, tampa do bagagito armada e com fechamento suave da tampa traseira.

Avaliações do engenheiro Daniel Ribeiro Filho, da Tecnodan.

Acabamento de boa qualidade faz parte dos modelos Citroën, até no Aircross, de apelo aventureiro - Acabamento de boa qualidade faz parte dos modelos Citroën, até no Aircross, de apelo aventureiro



Veículos

Encontre seu veículo

Últimas notícias

ver todas
04 de agosto de 2018
30 de julho de 2018

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação