Publicidade

Estado de Minas

Renault Clio Campus 1.0 - Desempenho é o melhor do modelo

Os pontos positivos e negativos do Renault compacto


postado em 24/11/2010 17:29

(foto: Fotos: Marlos Ney Vidal/EM/D.A. Press)
(foto: Fotos: Marlos Ney Vidal/EM/D.A. Press)
Acompanhe também o Vrum pelo Twitter

Positivo

Altura do solo
Não houve interferências com o solo, numa condução normal do automóvel. Por prevenção, há chapa em aço englobando toda a zona inferior do motopropulsor.

Climatização
É por comando manual. O sistema é eficiente, seja pelo tempo gasto para dar a sensação de conforto no habitáculo, seja pela vazão/angulação dos difusores de ar do painel. A rumorosidade de funcionamento é satisfatória e a vedação, boa.

Freios
Apesar de não ter ABS, apresentaram um bom comportamento dinâmico no uso misto. Estão bem calibrados e dimensionados, além de ter boa sensibilidade do pedal e reações equilibradas nos dois eixos. O freio de estacionamento atuou normalente.

Câmbio
A qualidade de engate é boa em maciez e precisão e as relações de marchas/ diferencial satisfazem bem no uso urbano e em rodovias com poucos aclives. Apesar de ter o cabeçote com quatro válvulas por cilindro e torque máximo do motor atuando em rotação mais alta (4.250rpm), o rendimento do câmbio no uso urbano é razoável mesmo com ar-condicionado ligado.

Motor
O sistema Hi-Flex funcionou bem com qualquer combustível (gasolina/etanol) ou misturado. A partida a frio foi imediata (somente etanol no tanque) com boa manutenção da marcha lenta e aceleração progressiva mesmo com o motor pouco aquecido. O torque máximo e a potência são muito bons para a cilindrada e arquitetura do cabeçote. As retomadas de velocidade e aceleração são satisfatórias, mas para uma dinâmica mais ágil no uso misto é necessário manter sempre a rotação elevada.

Vedação
Boa contra água.

Suspensão
Merecem destaque o conforto de marcha e a estabilidade desta versão, que tem o melhor acerto de suspensão para veículos hatch 1.0 no mercado nacional.

Direção
A coluna de direção não tem regulagem em altura, mas o volante tem boa pega e está numa altura satisfatória. Apresentou reações equilibradas e com boa sensibilidade. A precisão na reta e em curvas satisfaz bem. A velocidade do efeito/retorno e o diâmetro de giro em manobras são bons.

Iluminação
O farol dianteiro com dupla parábola é eficiente no baixo e no alto, mas não tem auxiliares de neblina nem regulagem elétrica de altura em função da carga transportada. A iluminação no habitáculo (zona do teto) é composta por somente uma lanterna oval junto ao retrovisor, com resultado razoável para a área da cabine. O quadro de instrumentos e o console central têm boa identificação noturna, e há luz de cortesia somente no porta-malas.

Estepe/ macaco
A roda em aço e o pneu reserva são iguais aos de uso. A operação de troca é normal. As calotas integrais fixadas no aro sobre pressão são vulneráveis a furto. A alavanca de acionamento do macaco tem proteção para as mãos, e há grampo específico no kit para retirar as calotas.

Limpador de para-brisa
Ao esguichar água por meio de esguichos com quatro jatos, palhetas de boa qualidade entram automaticamente em funcionamento, varrendo uma boa área no para-brisa. No vidro traseiro, o sistema é também eficiente. É fácil o acesso no vão motor ao reservatório d’água.

Alarme
A chave de ignição é codificada e há proteção perimétrica das partes móveis contra abertura forçada.

Regular

Acabamento da carroceria
As quatro portas têm desnivelamentos em relação à carroceria. A garantia contra corrosão é de seis anos. A pintura contém vários pontos com impurezas. A tampa do porta-malas está descentralizada e desnivelada. O capô está com montagem razoável. Os frisos protetores das portas, pestanas, lanternas, faróis, retrovisores e para-choques têm boa montagem.

Vão do motor

O acesso à manutenção em geral é bom, sendo mais limitado aos componentes do sistema de freios (cilindro mestre, reservatório do fluido de freio e servo-freio). O resultado da insonorização (somente parte do painel de fogo) é razoável.

Negativo

Nível interno de ruídos
Os ruídos no habitáculo são evidentes quando se trafega sobre paralelepípedo, asfalto ruim e estrada de terra. O efeito aerodinâmico é bem acentuado em velocidade mais alta.


Volume do porta-malas
O declarado é de 255 litros e o encontrado foi 282 litros com o banco traseiro na posição normal e a tampa do bagajito fechada, sendo normal o fechamento da tampa traseira.


Avaliações do engenheiro Daniel Ribeiro Filho, da Tecnodan

Nem apoios de cabeça laterais traseiros são itens de série
Nem apoios de cabeça laterais traseiros são itens de série



Ficha técnica

Motor

Dianteiro, transversal, de quatro cilindros, 999 cm³ de cilindrada, 16 válvulas, de potências máximas de 76cv (gasolina) e 77cv (etanol) a 6.000 rpm e torques de 10kgfm (gasolina) e 10,2kgfm (etanol) a 4.200 rpm

Transmissão
Tração dianteira, câmbio manual de cinco marchas

Suspensão/Rodas/Pneus
Dianteira, independente, McPherson, com triângulo inferior e barra estabilizadora; traseira, semi-independentes com barra estabilizadora; 5,5 x 14 em aço; 175/65 R14

Direção
Tipo pinhão e cremalheira, com assistência hidráulica (opcional)

Freios
Discos ventilados na dianteira e tambores na traseira

Capacidades
Peso, 880 quilos; tanque, 50 litros; de carga (passageiros e bagagem), 525 quilos

Equipamentos
De série
Conforto/conveniência – Apoios de braço nas portas dianteiras e traseiras; ar quente; banco traseiro rebatível; console central com cinzeiro e acendedor de cigarro; iluminação interna central; para-sol do motorista com porta documentos; preparação para som; porta-luvas com dois porta-copos na tampa; retrovisores com controle manual interno

Segurança – Terceira luz de freio; cintos retráteis dianteiros de três pontos com regulagem de altura; desembaçador do vidro traseiro; fechadura inviolável (giro falso); travas de segurança nas portas traseiras

Aparência – Calotas integrais, para-choques na cor do veículo; faixas de proteção laterais; vidros verdes.

Opcionais
Alarme, dois apoios de cabeça traseiros, ar-condicionado, direção hidráulica, conta-giros, limpador/lavador do vidro traseiro, iluminação do porta-malas, luz interna central dianteira, travamento automático das portas a 6km/h; temporizador de iluminação interna, travas elétricas das portas e do porta-malas com comando a distância por radiofrequência, vidros dianteiros elétricos.

Quanto custa

O Renault Clio Campus 1.0 tem preço sugerido de R$ 27.650 e completo, R$ 32.800.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade