Volvo S60 T4 - Perfumaria não tem vez

Sedã de entrada da marca sueca dispensa firulas de conveniência. Modelo é equipado com motor 1.6 de alta potência e marca aposta em segurança e preço. Leia o teste

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 10/09/2011 08:16 / atualizado em 10/09/2011 09:18 Paulo Eduardo /Estado de Minas


Fotos: Marlos Ney Vidal/EM/D.A Press
A Volvo aposta na versão básica do S60, carro que disputa o segmento dos sedãs médios-grandes de luxo, para se firmar no mercado nacional. O S60 não está equipado nesta versão com regulagens elétricas dos bancos dianteiros nem com sensores de estacionamento, chuva e crepuscular, que não custam caro e agradam à maioria dos consumidores. Em compensação, entre os muitos itens de segurança está o dispositivo que evita colisão com o veículo da frente. Todos os equipamentos são de série e o preço sugerido é R$ 102.900. Clique aqui e veja galeria completa

AVALIAÇÃO TÉCNICA Acabamento da carroceria A qualidade da pintura é boa. A porta do condutor tem boa montagem, mas as restantes estão desniveladas entre si e a carroceria. A tampa do porta-malas está descentralizada. REGULAR Vão do motor O capô tem ótimo ângulo de abertura e é sustentado aberto por molas a gás. O resultado da insonorização é positivo em relação ao habitáculo. O acesso à manutenção é razoável para essa motorização e o vão tem aspecto organizado. POSITIVO Altura do solo Toca com facilidade a parte inferior dianteira em saídas de garagem com desnível. Com carga máxima e numa condução mais atenta sobre piso irregular usual, não foram relevadas interferências significativas com o solo. Toda a parte inferior do motopropulsor tem proteção parcial por chapa plástica de resistência razoável. REGULAR Climatização É automático digital com regulagem independente de temperatura para condutor e passageiro. Apresentou bom funcionamento em geral, está bem vedado, e a rumorosidade de funcionamento é satisfatória. São três as opções de direcionamento do fluxo de ar. Os difusores de ar específicos para os passageiros de trás estão instalados na estrutura das colunas B (centrais). POSITIVO Freios O freio de estacionamento é eletrônico, com acionamento por meio de tecla no painel. Apresentaram um ótimo comportamento dinâmico e o pedal tem boa sensibilidade. O ABS atuou com precisão, mas em frenagem de emergência sobre piso de terra cascalhada o retardo de resposta foi grande. A desaceleração é uniforme, rápida e balanceada nos dois eixos. REGULAR Câmbio É automatizado de seis marchas e tem opção de uso manual/ sequencial com toques na própria alavanca. No quadro de instrumentos tem display informando a marcha e modo de condução selecionado. Apresentou um bom funcionamento com trocas suaves, sem trancos e rápidas, na maioria das vezes (dupla embreagem), além de boa resposta em kick-down. POSITIVO Motor A performance surpreendeu pela sua cilindrada em relação ao peso do automóvel de 1.420kg. O turbo está muito bem calibrado e dimensionado, proporcionando uma dirigibilidade agradável, progressiva e segura na cidade e em rodovias. As retomadas de velocidade são eficientes, junto com a programação eletrônica do câmbio. Na estrada é rápido e mantém uma ótima velocidade de cruzeiro, mesmo em trechos com subidas. POSITIVO Vedação Boa contra água e poeira. POSITIVO Nível interno de ruídos

Os ruídos no habitáculo são muito poucos, e o efeito aerodinâmico está bem contido. POSITIVO

Suspensão A estabilidade é muito boa, pois contorna curvas de raios variados em velocidade elevada e com inclinação mínima da carroceria. No uso mais esportivo tem ainda uma boa margem de velocidade extra, e no limite da aderência lateral e estabilidade direcional, os sistemas eletrônicos de tração e estabilidade atuaram com eficiência. O conforto de marcha está em um nível bem satisfatório, sendo aceitável quando com 400kg de carga útil. POSITIVO Direção Os pneus têm três opções de calibragem em função da carga do veículo e velocidade. O volante tem boa pega e a coluna de direção tem ajuste manual em altura e distância com bom curso. A precisão na reta e em curvas é boa. As cargas do sistema assistido estão bem definidas para o uso misto. O diâmetro de giro satisfaz, e a velocidade do efeito-retorno é aceitável. POSITIVO Iluminação Não tem sensor crepuscular. Os faróis têm construção com dupla parábola com lâmpadas halógenas, e regulagem elétrica de altura em função da carga transportada. Não há faróis auxiliares de neblina. As luzes de cortesia estão presentes nos para-sóis, porta-luvas, porta-malas, base inferior dos retrovisores e sobre os pés do condutor e passageiro. O quadro de instrumentos, console central e interruptores instalados nos painéis de porta têm boa identificação e iluminação permanente dia/noite. No teto, dupla lanterna e duplo spot fixo em plafonier junto ao retrovisor e mais dois spots fixos no centro do teto. POSITIVO Limpador de para-brisa Não tem sensor de chuva. As palhetas apresentaram uma boa qualidade e varrem uma área satisfatória. Os esguichos são do tipo spray em V com boa vazão e abertura. É fácil o acesso ao reservatório d`água dentro do vão motor. POSITIVO Estepe/ macaco Não tem estepe, e sim macaco e chave de rodas. Se o pneu furar (furo normal, sem rasgar) tem kit com selador líquido e bomba elétrica de ar para enchimento. Essa solução no Brasil não é funcional, prática e vai gerar apreensão para quem vai viajar, e ao utilizar o pneu recuperado e a sua eficiência na vedação. O sistema de monitoramento da pressão dos pneus deveria ser de série. NEGATIVO Alarme A chave de ignição é especial, de inserir em local no painel, e por meio de tecla anexa a função start/ stop. Há proteção volumétrica dentro do habitáculo e perimétrica das partes móveis. As quatro portas têm função de abertura e fechamento dos vidros por um toque, e o sistema antiesmagamento atuou com precisão. POSITIVO Volume do porta-malas O declarado é 390 litros, o mesmo encontrado na nossa medição. Avaliações do engenheiro Daniel Ribeiro Filho, da Tecnodan

Palavra de especialista Prós e contras do sueco DANIEL RIBEIRO FILHO ENGENHEIRO Faltou criatividade na definição do local do extintor de incêndio e no seu formato, assim como o acesso aos comandos de regulagem manual dos encostos dos bancos dianteiros. O fato de não ter estepe ainda é muito complicado e quase uma novidade no Brasil, mesmo com pneus especiais que rodam a baixa velocidade quando furados, devido à má conservação da maioria das ruas e rodovias. Se o furo/corte do pneu for um pouco maior que o convencional, o selante não vai resolver, fora o tempo gasto nessa operação na beira da estrada. O motor 1.6 litro com turbo muito bem definido e acoplado ao câmbio de seis marchas, com ótimo escalonamento, surpreendeu pela dinâmica proporcionada no uso misto.
Nem a ergonomista deu bomba A maioria dos modelos cedidos para teste esbarra em dilema comum: anatomia do banco traseiro, até mesmo os individuais dos monovolumes, por falta de regulagens lombar e do assento. Porém, o Volvo S60 superou a expectativa da nossa especialista em ergonomia. No S60 é tão boa que mesmo sem regulagens foi aprovada, pois deixa a coluna em posição correta, sem que a pelve fique em retroversão, tornando confortáveis as viagens longas. Quando a coluna está posicionada incorretamente, o desconforto é evidente. E os bancos dianteiros têm, além das regulagens normais, o de altura do assento e a lombar. O senão é que os comandos das regulagens lombar e do encosto estão em posição incorreta. Aí, o acesso aos comandos foi reprovado. Também chama a atenção no S60 o excelente acerto da suspensão. A traseira é do tipo multilink e absorve tão bem as imperfeições do solo quanto contorna as curvas. O comportamento dinâmico é irrepreensível em todas as situações e ainda há controles eletrônicos de estabilidade e tração. Apesar de usar pneus de perfil baixo – a maioria dos modelos usa perfil 45 com aro 17 e o do Volvo é 50 – não há desconforto no habitáculo.
FIRULAS
Os adorares de firulas vão estranhar um carro que custa mais de R$ 100 mil não estar equipado com perfumarias presentes até em modelos de menor valor. Trata-se de política da marca para diferenciar esta versão. Pode parecer estranho porque sensores não custam caro, mas são apenas itens de conveniência e há quem prefira até acionar vidros manualmente para evitar contratempo quando emperram. Sistemas manuais pifam menos. Porém, há airbags frontais e laterais, entre os muitos itens de segurança, incluindo o City Safe, que evita colisão iminente contra o carro da frente acionando os freios caso o motorista se distraia. Além de ABS conjugado com controles de tração e estabilidade. DESEMPENHO O motor 1.6 turbo de alta potência com injeção direta, que proporciona desempenho muito bom, está acoplado ao câmbio automatizado de seis marchas e dupla embreagem (DSG), que deixa sempre duas marchas pré-engatadas para tornar a troca mais rápida. O sistema da Volvo usa atuadores hidráulicos em vez de selenoide, o que acarreta ligeiro retardo nas trocas. É mínimo, mas ocorre em algumas situações, quando o sistema fica indeciso por instantes. Motores de pequena cilindrada e alta potência estão na nova ordem automotiva mundial e são denominados downsizing – cilindrada pequena com potência de motor maior. O motivo é a redução de emissões e consumo. Mas o computador de bordo do S60 registrou consumo de gasolina entre 4,8km/l e 6,5km/l na cidade e de 11km/l a 13km/l na estrada. É curioso, pois emitir menos significa consumir pouco. O que não é o caso desse Volvo rodando em BH. Incomoda a frente baixa, que raspa quase sempre em rampas e saídas de garagem, e a visibilidade limitada na traseira, mal da carroceria sedã, além da posição indevida do extintor de incêndio à frente do banco do passageiro da frente. A legislação brasileira exige esse absurdo, cuja carga dura cerca de três segundos. BEM VESTIDO O motorista literalmente veste o carro e o S60 é puro prazer ao dirigir. Direção bem calibrada, freios eficientes e adaptação incrível em todos os tipos de piso. O porta-malas não é dos maiores, mas leva toda a tralha sem necessidade de grandes arranjos. O carro não tem estepe e os pneus são do tipo que rodam furados.
Ficha técnica
MOTOR Dianteiro, transversal, quatro cilindros em linha, 1.596cm³ de cilindrada, que desenvolve 180cv de potência máxima a 5.700rpm e 24,5kgfm de torque máximo entre 1.600rpm e 5.000rpm TRANSMISSÃO Tração dianteira, com câmbio automatizado de seis velocidades e dupla embreagem (DSG) DIREÇÃO Do tipo pinhão e cremalheira, com assistência hidráulica SUSPENSÕES/RODAS/PNEUS Dianteira independente, do tipo McPherson e barra estabilizadora; e traseira independente, multilink e estabilizadora / 7 x 17 polegadas/ 215/50 R17 FREIOS Discos ventilados na dianteira e na traseira, com controles eletrônicos de estabilidade e tração, incluindo ABS, com sistema City Safety CAPACIDADES Do tanque, 68; de carga (ocupantes e bagagem), 580kg
EQUIPAMENTOS DE SÉRIE Conforto/conveniência – Ar-condicionado com saídas para o banco traseiro, direção hidraúlica, sistema de áudio com tela de 5 polegadas e sistema multimídia com oito alto-falantes, entrada auxiliar, bluetooth com comando de voz, retrovisores externos eletricamente ajustáveis, travamento central elétrico com controle remoto, controle automático de velocidade, computador de bordo, volante multifuncional, vidros elétricos, coluna de direção com ajuste de altura e distância, destravamento por controle remoto da tampa do porta-malas, bancos dianteiros com regulagens lombar e de altura dos assentos. Aparência –  Rodas de liga leve aro 17 polegadas, luz indicadora de direção integrada nos retrovisores externos com LEDs. Segurança –  Freios ABS com EDS, ASR e ESP, airbags frontais e laterais, lanterna traseira de neblina, três cintos de segurança traseiros de três pontos, imobilizador eletrônico, alarme, apoios de cabeça dianteiros e três no banco traseiro.   OPCIONAIS Não há. Quanto custa O Volvo S4 tem preço sugerido de R$ 102.900. NOTAS (0 A 10) Desempenho    10 Espaço interno    9 Porta-malas    8 Suspensão/direção    10 Conforto/ergonomia    9 Itens de série/opcionais    10 Segurança    9 Estilo    9 Consumo    6 Tecnologia    9 Acabamento    9 Custo/benefício    9

Tags:

Veículos

Encontre seu veículo

Últimas notícias

ver todas
04 de agosto de 2018
30 de julho de 2018

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação