Nissan March SR 1.6 - Olhos puxados e espertos

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 20/01/2013 18:43 / atualizado em 20/01/2013 19:04 Pedro Cerqueira /Estado de Minas

Fotos: Marlos Ney Vidal/EM/D.A PRESS
Nossa maior surpresa durante o teste do Nissan March 1.6 foi a proximidade entre o consumo usando etanol e gasolina. Em trecho urbano, o consumo com gasolina foi de 7,2km/l e o do etanol de 6,5km/l. Enquanto a relação média de consumo entre gasolina e etanol é de 70%, neste motor encontramos 90%. Na prática isso significa que se o preço do litro de etanol for até 90% do da gasolina seu uso é mais vantajoso. Apesar disso, é possível ver que, com qualquer um dos combustíveis, o modelo não é dos mais econômicos, principalmente com gasolina.

 

Clique aqui e veja a galeria de fotos do Nissan March SR 1.6!

 

Em compensação, é bastante esperto, com fôlego de sobra até mesmo carregado e com o ar-condicionado ligado. O bom desempenho combina bem com a versão SR testada, com roupagem esportiva: spoiler dianteiro e traseiro, saias laterais, aerofólio, ponteira de escape cromada e rodas de 15 polegadas em liga leve. Trata-se da versão topo de linha do March equipada com o pacote Premium. Entretanto, outras versões sem características esportivas são equipadas com o mesmo motor e têm desempenho equivalente. Mais uma vez, a esportividade é apenas de adereços.
Quem vê o carrinho não imagina que ele tem muitos itens de conforto e segurança, como airbags frontais, freios ABS, de bordo e sistema de telefonia por comando de voz (que peca por ser no idioma inglês). Outros furos são a dificuldade de acionar a buzina (comum em modelos equipados com airbag) e os espelhos dos para-sóis não contarem com iluminação.

OPÇÕES Sim, a Nissan entrega um bom carro, mas também manda a conta. E não é nenhuma barbada. A versão testada custa R$ 39.390. Só a título de comparação, juntando mais R$ 2 mil é possível comprar um Fiat Punto 1.6 Essence, modelo de segmento superior, mais espaçoso e com maior apelo visual.
A parte mecânica é muito eficiente. O câmbio “conversa” bem com o motor, tem relações de marchas bem escalonadas e engates precisos, embora um tanto barulhentos. A suspensão proporciona conforto para os ocupantes e não decepciona nas curvas. Os pneus de perfil alto contribuem para o conforto. A direção elétrica também está bem acertada, leve nas manobras e com “carga” em velocidades mais elevadas.

INTERIOR Por dentro, apesar do espaço para os passageiros da frente ser satisfatório, o banco traseiro é apertado e baixo, causando desconforto. A falta de espaço para as pernas é reflexo das pequenas dimensões do modelo, ainda menor e com distância entre-eixos de um Ford Ka. Porém, o acabamento interno está na média do segmento dos compactos, com (muito!) plástico de qualidade aceitável e bons encaixes. O ponto alto é o interior todo acarpetado, inclusive o porta-malas. O ponto baixo é o revestimento dos bancos, um tecido com aparência ruim.
O porta-malas é pequeno, dando conta das compras de supermercado, mas não comporta muitas malas. Seu interior tem iluminação e abriga o estepe, mantendo-o limpo e em segurança. Apesar de ter itens de segurança importantes, como airbags frontais e freios ABS, até a versão topo de linha fica devendo cinto de três pontos e apoio de cabeça ao passageiro central traseiro.

 

Um samurai na arena

Confira o desempenho do Nissan March 1.6 SR nas avaliações técnicas e de ergonomia.

 

Avaliação técnica
Acabamento da carroceria
Os apliques plásticos dos para-choques têm boa montagem, assim como as minissaias nas soleiras e spoiler no teto. Os adesivos sobre as portas estão bem aplicados, mas elas têm pontos com desnivelamento entre si e a carroceria. A tampa traseira está descentralizada e desalinhada. O capô tem montagem razoável. O acabamento da pintura é satisfatório. Os adesivos aplicados no para-lama esquerdo não têm continuidade do lado direito
da carroceria. REGULAR

Vão do motor
O resultado da insonorização (somente parte do painel de fogo) é limitado com o motor em rotação média/alta, provocando desconforto auditivo. O acesso à manutenção é bem limitado, pois o vão é pequeno e o motor e seus componentes externos o preenchem totalmente. O capô tem bom ângulo de abertura. Os itens de verificação permanente têm fácil acesso e identificação. A tampa do gargalo do reservatório de gasolina para partida a frio só pode ser aberta com a chave de ignição, nada prático, e tem
acesso externo. REGULAR

Altura do solo
Não tem de série chapa protetora em aço para a parte inferior do motopropulsor. Não foram relevadas interferências com o solo. POSITIVO

Climatização
É por comando manual. São quatro as velocidades da caixa de ar e cinco as de direcionamento do fluxo. Os difusores de ar do painel têm formato circular e giram 360°. Apresentou bom funcionamento e está bem vedado. A rumorosidade de funcionamento é satisfatória. POSITIVO

Freios
O pedal de freio tem boa sensibilidade, o sistema apresentou reações balanceadas nos dois eixos e o ABS atuou com precisão. Em frenagem simulada de emergência (asfalto seco e molhado) foi boa a desaceleração com manutenção da trajetória imposta. O freio de estacionamento atuou normalmente. POSITIVO

Câmbio
O trambulador não é silencioso. Merecem destaque as relações de marchas/diferencial pela condução segura e confortável, sendo até surpreendente em algumas situações. A qualidade de engate é aceitável, mas perde um pouco em precisão nas trocas rápidas. Em 5ª marcha a 110km/h o motor gira a 3.200rpm, distante do torque máximo (4.000rpm), e em 3ª, a 60km/h a 3.000rpm. As trocas de marchas são pouquíssimas em retomadas de velocidade, inclusive sobre piso com inclinação leve. REGULAR

Motor
É prazerosa a sua condução e junto com o câmbio faz um belo conjunto dinâmico, proporcionando uma ótima dirigibilidade em qualquer situação. Apresentou uma aspereza de funcionamento significativa. Mesmo com a arquitetura do cabeçote com quatro válvulas por cilindro é excelente o seu rendimento à baixo regime de rotação. REGULAR


Vedação
Boa contra água. POSITIVO

Nível interno de ruídos
O habitáculo não é silencioso e o efeito aerodinâmico inicia-se a 100km/h e é crescente com a velocidade. NEGATIVO



Suspensão
A estabilidade em geral é boa, contornando curvas com boa precisão e pouca inclinação da carroceria. O conforto de marcha é razoável. POSITIVO

Direção
Os pneus homologados para esta versão SR são chineses Maxxis. A coluna de direção tem ajuste em altura com bom curso. O diâmetro de giro é ótimo, assim como a velocidade do efeito-retorno. A precisão na reta e em curvas é razoável. O conjunto apresentou em curva sobre piso irregular (terra, paralelepípedo e asfalto ruim) baixa rumorosidade. A assistência é elétrica com cargas bem definidas para o uso urbano/estacionamento
e em rodovias. POSITIVO

Iluminação
Não tem sensor crepuscular e há luz de cortesia somente no porta-malas. A iluminação do habitáculo é por meio de uma lanterna no teto com resultado aceitável. Os faróis têm refletor único e eficiência normal no baixo/alto. Os auxiliares de neblina estão no para-choque. Não tem regulagem elétrica de altura do facho em função da carga transportada. Os interruptores elétricos dos painéis de porta não têm iluminação, somente a tecla de abertura por um toque do vidro do condutor. REGULAR

Estepe/macaco
O estepe está instalado no assoalho do porta-malas. A roda é em aço, mas o pneu é igual aos de uso. A operação de troca é normal. POSITIVO

Limpador de para-brisa
Não tem sensor de chuva. Os esguichos no para-brisa são do tipo spray em V com boa vazão e abertura. O sistema de varredura é feito por palhetas de boa qualidade, que limpam uma área satisfatória, assim como no vidro traseiro, que tem esguicho de cima para baixo com boa vazão. É fácil o acesso ao reservatório d’água dentro do vão motor. POSITIVO

Alarme
A chave de ignição é codificada e estão nelas as teclas de travar/destravar as portas, e a de pânico. Somente
a porta do condutor tem função um toque e o sistema antiesmagamento atuou com precisão. Há proteção perimétrica das partes móveis, mas não tem a volumétrica contra invasão do habitáculo pela quebra dos vidros. POSITIVO

Volume do porta-malas
O declarado é 265 litros, o mesmo encontrado com o banco traseiro na posição normal e a tampa do
bagagito fechada.

Avaliações do engenheiro Daniel Ribeiro Filho, da Tecnodan
www.danieltecnodan.wordpress.com

 

Ficha técnica
Motor
Dianteiro, transversal, quatro cilindros em linha, flex, 1.598cm³ de cilindrada, 16 válvulas, com potência máxima de 111cv a 5.600 rpm e torque máximo de 15,1kgfm a 4.000 rpm

Transmissão
Tração dianteira e câmbio manual de cinco velocidades

Direção
Do tipo pinhão e cremalheira com assistência elétrica progressiva

Suspensões/Rodas/Pneus
Dianteira, independente, tipo McPherson; e traseira estruturada com eixo de torção/ rodas dianteiras e traseiras 5,5 x 15 polegadas, com pneus 175/60 R15, em liga leve.



Freios
Discos ventilados na dianteira e tambores na traseira, com sistema ABS, EBD

Capacidades
Do tanque, 41 litros; de carga (passageiros e bagagem), 390 quilos.


Equipamentos
DE SÉRIE
Ar-condicionado; banco do motorista com regulagem de altura; computador de bordo; desembaçador do vidro traseiro; direção elétrica progressiva; porta-malas com iluminação; retrovisores externos com regulagem elétrica; travas elétricas; vidros dianteiros e traseiros elétricos; volante com regulagem de altura; limpador traseiro; rádio CD Player com função MP3 e entrada auxiliar; quatro alto-falantes; airbags frontais (motorista e passageiro); alarme.

OPCIONAIS
Pacote Premium: maçanetas externas na cor da carroceria; farol de neblina; revestimento dos bancos em tecido nas cores preta e cinza; freios ABS com assistência de frenagem (EBD); rádio CD Player com MP3, conexão para iPod, bluetooth e comando de áudio no volante.

 

Notas (0 a 10)
Desempenho 8
Espaço interno 6
Porta-malas 7
Suspensão/direção 8
Conforto/ergonomia 7
Itens de série/opcionais 7
Segurança 7
Estilo 7
Consumo 6
Tecnologia 7
Acabamento 7
Custo-benefício 7
quanto custa
O March 1.6 SR tem preço sugerido de R$ 37.890; com o pacote Premium, de R$ 39.390.

 

Veículos

Encontre seu veículo

Últimas notícias

ver todas
04 de agosto de 2018
30 de julho de 2018

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
Queremos sua ajuda para deixar a experiência no VRUM ainda melhor! Participe Participe