Prata da casa

Teste: Limitado a 1 mil unidades, March Rio'2016 é divertido e descompromissado

Série alusiva aos Jogos Olímpicos, Nissan March Rio'2016 agrada pelo visual descolado e desempenho do motor 1.6 16V, mas bancos dianteiros são desconfortáveis e acabamento do painel é ruim

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 27/04/2016 12:00 / atualizado em 25/04/2016 21:25 Bruno Freitas/Portal Vrum
Bruno Freitas/EM/D.A Press
Patrocinadora dos Jogos Olímpicos Rio'2016 (de 5 a 21 de agosto), a Nissan lança série especial alusiva e de visual esportivo para o March. São mil unidades identificadas por uma marcação na grade dianteira – o VRUM avaliou a de número 0002 –, tendo por base a versão topo de linha SL com o pacote de equipamentos Pack Multi, que agrega a nova central multimídia Nissan Multi-App, e o eficiente motor 1.6 16v. Levamos a novidade para uma pista de atletismo e a praticidade surpreendeu. O preço sugerido é de R$ 53.990, ante R$ 49.490 da versão base.

VISUAL O que mais chama a atenção no March Rio'2016 é o visual, que destaca as linhas arredondadas do Nissan. A carroceria recebeu spoilers frontal e traseiro, saias laterais, retrovisores e teto pintados de preto e laranja, dando um ar descolado ao compacto japonês, reestilizado há dois anos no Brasil.

Completam o conjunto faróis e lanternas de máscara negra, maçanetas das portas cromadas, rodas de liga leve de 16 polegadas em tom acinzentado e o logotipo da Olimpíada nos para-lamas e tampa do porta-malas. Fica devendo cores mais criativas, uma que só é vendido em tons de branco, prata ou preto. Mesmo simples, não passa despercebido.

Traseira tem aerofólio, spoiler e lanternas escurecidas - Bruno Freitas/EM/D.A Press Traseira tem aerofólio, spoiler e lanternas escurecidas


Marcação na grade frontal identifica cada uma das 1 mil unidades produzidas - Bruno Freitas/EM/D.A Press Marcação na grade frontal identifica cada uma das 1 mil unidades produzidas
POR DENTRO A inscrição Rio'2016 é repetida no jogo de tapetes, com a costura laranja também presente nos bancos, cuja espuma do encosto, apesar de trazer tecido especial e a tecnologia Comfort Seat (maior comprimento do assento), tem densidade pouco confortável. A sensação é a de estar sentado em um carro de entrada. Também joga contra o plástico de superfície dura no painel. Contraste à boa lista de equipamentos de série, que inclui ar-condicionado automático, direção elétrica e câmera traseira de ré, com imagem integrada à tela sensível ao toque de 6,2 polegadas.

Spoiler frontal exige cuidado nas nossas esburacadas ruas - Bruno Freitas/EM/D.A Press Spoiler frontal exige cuidado nas nossas esburacadas ruas
Apesar de independente – dispensa espelhamento de smartphones com 13 aplicativos instalados de fábrica –, e objetiva, a central multimídia atende à maioria das funcionalidades da concorrência, com fácil operação do rádio por meio de controles integrados ao volante. Entradas USB e para cartão de memória (SD Card) estão bem localizadas, do lado direito da tela, permitindo acomodar outros gadgets no console central.

Painel é bem equipado, mas derrapa no acabamento de plástico - Bruno Freitas/EM/D.A Press Painel é bem equipado, mas derrapa no acabamento de plástico
COMO ANDA? Ao acelerar, o March Rio'2016 demonstra outra virtude. Elástico, o motor 1.6 16V de 111cv empurra o compacto com desenvoltura nas retomadas do trânsito urbano, graças ao bom torque disponível em baixa rotação e o baixo peso (979,5kg). Em velocidades mais elevadas, contudo, o motor urra com aspereza. O câmbio manual de cinco marchas tem engates macios. Boa visibilidade traseira e diâmetro de giro de 4,5m fazem do March Rio'2016 um carro muito fácil de manobrar. Na prova entre os consumidores que desejam um compacto de visual e desempenho um tanto esportivos, mas não exigem tanto conforto, a série especial alusiva à Olimpíada leva a medalha de prata com louvor.


Apesar de simples, série especial não passa desapercebida - Apesar de simples, série especial não passa desapercebida
Ficha técnica

MOTOR – de quatro cilindros, 1.598cm³ de cilindrada, 111cv(g/e) a 5.600rpm e torque de 15,1kgfm(g/e) a 4.000rpm
TRANSMISSÃO – tração dianteira e câmbio manual de cinco marchas
DIMENSÕES (metro) – comprimento, 3,82; largura, 1,67; altura, 1,52; distância entre-eixos, 2,45
PORTA-MALAS - 265 litros
VELOCIDADE MÁXIMA (km/h) – 182
ACELERAÇÃO ATÉ 100km/h – 9,8s (g) e 9,3s (e)
PESO – 979,5kg
CONSUMO (km/l) – cidade, 12,1 (gasolina)/8,1 (etanol);estrada, 14,5 (g)/10 (e)

Agradecimentos: Secretaria Municipal de Esportes e Universidade de Itaúna

Tags: olimpíada 2016' limitada nissan Rio de Janeiro Jogos Olímpicos March Rio Nissan March série especial

Veículos

Encontre seu veículo

Últimas notícias

ver todas
16 de janeiro de 2018
08 de janeiro de 2018

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação