ANIVERSÁRIO

Golf completa 40 anos e Volkswagen comemora marca

Montadora conta história do veículo que já vendeu mais de 30 milhões de unidades ao redor do mundo

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
postado em 28/03/2014 13:08 / atualizado em 28/03/2014 18:20 Portal Vrum

Volkswagen/divulgação
Após o Golf ganhar uma nova versão de entrada no Brasil, Comfortline, a Volkswagen comemora os 40 anos de história do modelo. O veículo já vendeu mais de 30 milhões de unidades desde a primeira geração e foi o pioneiro no processo tecnológico da marca.


Em sete gerações, o modelo já foi equipado com motor turbo, de injeção direta, elétrico ou plug-in; com ABS, ESC, XDS ou 4Motion; se Adaptive Cruise Control; estabilização de reboque ou automático pós-Collision Braking System; ar-condicionado automático; sistema de som Dynaudio, touchscreen com sensor de proximidade ou faróis de LED. Além das versões GTI, GTD ou GTE. Confira abaixo os detalhes das gerações do Golf:

Golf I

Volkswagen/divulgação
 

 

A primeira geração do Golf saiu da linha de montagem em Wolfsburg em 29 de março de 1974. Foi um divisor de águas por oferecer motor e tração dianteiro, algo inédito, já que ele foi lançado para substituir o Fusca na Europa, que usava motor e tração traseira.

Golf II

Volkswagen/divulgação
 

 

A partir de agosto de 1983, o Golf ficou ligeiramente maior, dando mais espaço aos passageiros. A linha 1986 ganhou freios antiblocantes ABS e opção de tração integral nas quatro rodas.

 

Golf  III

Volkswagen/divulgação
 

 

Com o lançamento da terceira geração Golf em agosto de 1991, a Volkswagen anunciou uma nova era de segurança. Este Golf foi o primeiro da série a ter airbags frontais, a partir de 1992, enquanto os principais avanços na área de construção da carroceria do carro também resultou em melhora significativamente para a segurança em caso de acidente. Foi nessa geração que veio a primeira versão de seis ciclindros, o VR6. Também chegaram nesta época o piloto automático e os primeiros motores diesel de injeção direta.

 

Golf IV

Volkswagen/divulgação

 

Sob a direção de Hartmut Warkuss, então chefe de Design da Volkswagen, o Golf Mk IV cristalizou o desenho claro, preciso até neste momento. A quarta geração continuou investindo em segurança e em 1998 o Golf chega ao mercado com o sistema de controle ESC. No Brasil ficou conhecido como Golf Sapão e foi um dos carros mais desejados de nosso mercado entre 1998 e 2004. Em 2006, ao invés de trazer a geração seguinte, já vendida no exterior, resolveu fazer um facelift e apenas o Brasil conheceu a geração 4,5 do Golf. 


Veja fotos do Golf 4,5, vendido no Brasil

 

Golf  V

Volkswagen/divulgação

 

Este foi o Golf que ostentava níveis de conforto e desempenho dinâmico, que deixou muitos concorrentes bem atrás, em 2003. O mesmo acontecia com os recursos de segurança do carro. Um fator que destacou nesta geração foi a estabilidade da carroceria soldada a laser  e o aumento de 35% na rigidez torcional. Passou a contar com até oito airbags, mas esta geração nunca foi vendida no Brasil.

 

Golf  VI

Volkswagen/divulgação

 

Em apenas quatro anos, mais 2,85 milhões de carros tinham sido produzidos. E mais uma vez a segurança fez grandes avanços: a carrcoceria do carro era tão robusta que passou no teste de colisão EuroNCAP ganhando o máximo de cinco estrelas.

 



Golf  VII

Volkswagen/divulgação
 

 

Em 4 de setembro de 2012, a Volkswagen comemorou a estreia mundial da sétima geração do Golf. O peso do novo carro foi reduzido em até 100 kg, invertendo assim a espiral ascendente de peso. A economia de combustível também melhorou em até 23%. Em 2014, a Volkswagen eletrifica a classe compacta com o Golf: o totalmente elétrico e-Golf com um alcance de cerca de 190 km já está disponível para comprar. No Brasil é oferecido nas versões Comfortline, Highline e GTi. As duas primeiras equipadas com o motor 1.4 TSi de 140 cv e injeção direta de combustível. Este motor turbo já é famoso por sua alta eficiência e baixo consumo de combustível, sendo até mesmo mais econômico do que motores 1.0. O destaque dele são os 25,5 kgfm de torque disponíveis já aos 1.500 rpm, deixando-o super ágil, principalmente em trânsito urbano. Ele é acoplado ao câmbio automatizado DSG de dupla embreagem e sete velocidades ou o manual de seis velocidades.

 

A outra versão oferecida é a GTi, com motor 2.0 Tsi de 220 cv de potência com câmbio automatizado DSG de dupla embreagem e seis velocidades

 

Veja fotos do Golf VII 1.4 TSi

Veja fotos do Golf VII GTi

Encontre seu veículo

Últimas notícias

ver todas
23 de maio de 2017
17 de maio de 2017

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação