Publicidade

Estado de Minas

Concessionárias apostam em estratégias para driblar a crise

Propostas de financiamento com taxa zero continuam sendo o mote para tentar atrair o consumidor, depois do resultado nada animador de quase 21% de queda no primeiro semestre


postado em 04/07/2015 16:18 / atualizado em 04/07/2015 17:23

Ao fechar a compra de um Classic, na Grande Minas, Ângela Cecília Nogueira conta que teve quatro modelos Chevrolet e não quer mudar de marca(foto: Cristina Horta/EM/D.A Press)
Ao fechar a compra de um Classic, na Grande Minas, Ângela Cecília Nogueira conta que teve quatro modelos Chevrolet e não quer mudar de marca (foto: Cristina Horta/EM/D.A Press)


Julho começa com pouca esperança no mercado de veículos zero, depois de divulgada queda de 20,67% nos emplacamentos nacionais do primeiro semestre deste ano em relação ao mesmo período do ano passado e previsão de decréscimo de 23,9% até o fim do ano, de acordo com a Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave). Por outro lado, o mercado em Minas Gerais, que apresentou ligeira melhora mês passado, com aumento de 5,7% nas vendas de veículos e comerciais leves, em relação a maio, registra menor queda no semestre, de 18,25%, somados todos os segmentos, segundo o Sindicato dos Concessionários e Distribuidores de Veículos de minas Gerais (Sincodiv-MG). Apesar dos índices negativos, algumas marcas mantiveram os aumentos de preços já programados para o último dia 1º. Por outro lado, montadoras já trabalham em novas campanhas publicitárias para atrair e consumidor, mantendo o foco nas taxas de juro zero.

FORD Com taxa zero para toda a linha há bastante tempo, porém com prazos de 12 a 36 meses para a quitação, a montadora resolveu criar novos planos, estendendo o período de pagamento para 48 meses. A proposta anterior continua, obviamente atrelada a entradas e/ou preços melhores, em virtude do menor risco. Mas a prorrogação do tempo para quatro anos pode fazer reduzir as parcelas. O importante é comparar. Opções: para o Focus (ainda modelo antigo), a entrada é de 60% em 48 meses, mas o valor final pode ser reduzido se o cliente optar pelo pagamento em 36 vezes. Já o EcoSport pode ser financiado com 60% de entrada em 36 meses ou com 72% em 48. A Ranger diesel, o Edge 14/14 e o New Fiesta hatch podem ser negociados com 60% de entrada em 24 meses ou com 80% em 48; e o Fusion – incluindo o 15/16, previsto para chegar ainda mês – também tem opção de 60% de entrada mais 24 prestações para o restante ou de 66% de entrada para prazo de 48 meses. Já o Ka continua com opção de pagamento em 30 meses se a entrada for de 60% e ganha a possibilidade dos 48 meses, com 75% de sinal; enquanto a Ranger flex cabine dupla pode ser financiada em 48 meses com entrada de 67% ou em 18 meses, com sinal de 60%. Vale reforçar que para prazos menores, em alguns casos, pode haver redução de preço no modelo.

A Ford divulgou aumento de preços para alguns modelos, válido a partir da última quarta-feira: 1% em média para Ka, Ka+ e EcoSport; 2% para o Fusion 15/16. Revendas, no entanto, ainda contam com modelos em estoque faturados sem a alta. Entre as promoções de destaque para o fim de semana, na Pisa, última unidade de: Ranger Sport cabine simples flex preta 14/15 por R$ 70.900; Focus Sedan Titanium Plus 2.0 Powershift branco 15/15, R$ 84.900; Focus hatch SE 1.6 Powershift 14/15 prata, R$ 68.900. Unidades de test-drive do novo Focus começam a ser faturadas para as concessionárias e devem chegar em cerca de 10 dias, já que o modelo vem da Argentina.

CHEVROLET Também com foco na taxa zero, a marca anuncia, até a próxima quarta-feira, Onix e Prisma com entrada de 60% e prazo de 36 meses.

HONDA
Banzai e Auto Japan continuam com ação conjunta, mantendo o Civic LXR 15/16 a partir de R$ 78.400, que era o preço sugerido (tabela) até o aumento que passou a vigorar este mês. O carro também pode ser financiado com entrada de R$ 48.250 mais 48 parcelas de R$ 899 (taxa de 1,33%). O plano é válido até dia 31. Além disso, a Banzai vende o Civic Si (pronta entrega) com desconto de R$ 8 mil, custando R$ 116 mil.

VW A montadora já havia anunciado, na semana passada, aumento médio de 0,7% a partir do dia 1º. Mas apesar da alta, ainda valem condições promocionais do mês passado como a taxa zero (60% de entrada/24 meses) para o Voyage e os bônus de fábrica para alguns modelos. Para o Gol, o desconto chega a ser de R$ 6.490 para a versão 1.0 Trendline 15/15 e para a Saveiro cabine dupla 15/15, de até R$ 2 mil.

FIAT A rede de concessionárias ainda não definiu uma política de ofertas para o mês. Enquanto isso, cada revenda define sua programação. Na Strada, por exemplo, haverá festival de Siena 15/15, com financiamento em até 48 meses, pelo banco da montadora, com entrada de 30% e taxa de 1,19%. Os modelos são vendidos com desconto de até R$ 3,5 mil.

Interessado no HR-V, Ricardo Teixeira da Silva passou na Banzai para fazer um test-drive e negociar o modelo(foto: Cristina Horta/EM/D.A Press)
Interessado no HR-V, Ricardo Teixeira da Silva passou na Banzai para fazer um test-drive e negociar o modelo (foto: Cristina Horta/EM/D.A Press)


AUDI Na Audi Center BH, o novo Q3 Attraction 1.4 15/16 é vendido a partir de R$ 119.990. E o A3 Sedan (14/15 e 15/15) permanece a partir de R$ 99.990.

KIA A Brisa continua com a promoção em que vende o Cerato 14/15 a partir de R$ 69 mil; o Sportage, de R$ 94.900; e o Soul 14/15, de R$ 84.900. Todos já com frete.

Obs.: Sempre que houver a expressão “a partir de” significa que o preço diz respeito à pintura sólida. Toda vez que a campanha menciona taxa zero, o termo se refere apenas à ausência de juros, porém, costuma haver outros encargos, como o Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) e a Tarifa de Crédito (TC), que incidem no valor da prestação. O mesmo vale para as demais taxas de juros divulgadas. Não havendo a informação de ano/modelo, trata-se de veículo 15/15.

EMPLACAMENTOS Um dos destaques no ranking de emplacamentos no mês de junho foi a ascensão, em mais uma posição, do recém-lançado Honda HR-V, agora o 10º mais emplacado. Os nove primeiros foram: Fiat Palio, Hyundai HB20, Chevrolet Onix, VW Gol, VW Fox/CrossFox, Ford Ka, Renault Sandero, Toyota Corolla e Fiat Uno. Entre os SUVs, o HR-V foi o mais emplacado no mês, seguido do Renault Duster, Jeep Renegade e Ford Ecosport. No acumulado do ano, o modelo da Ford ainda lidera.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade