Publicidade

Estado de Minas TESTES DE SEGURANÇA

Peugeot retira proteção lateral do 208 e Kia Picanto leva bomba no Latin NCAP

Latin NCAP reduz nota de proteção a adultos do Peugeot 208 de quatro para apenas duas estrelas, após a retirada de reforços estruturais. Kia Picanto leva nota zero


postado em 14/06/2016 10:00 / atualizado em 13/06/2016 17:53

(foto: Latin NCap/Divulgação)
(foto: Latin NCap/Divulgação)
E a indústria automobilística continua dando tratamentos diferentes à segurança dos veículos entre consumidores dos países desenvolvidos e os demais. O Programa de Avaliação de Veículos Novos para América Latina e o Caribe (Latin NCAP) divulgou os resultados de mais uma bateria de testes, na qual o Peugeot 208 teve sua nota de proteção a adultos rebaixada de quatro para apenas duas estrelas. O mal desempenho é resultado da recente introdução do teste de colisão lateral, que antes não era aferido.

A unidade testada não contava com airbags laterais e, no caso de colisão de lado, a proteção para cabeça e peito foi considerada fraca. Mas o ponto que mais choca é a afirmação do Latin NCAP de que a Peugeot do Brasil retirou do projeto do 208 nacional reforços estruturais para a proteção lateral presentes no modelo europeu, motivo pelo qual o compacto brasileiro não alcançou a nota máxima obtida na Europa.

Questionada pelo VRUM sobre a diferença dos projetos, a Peugeot se limitou a responder que o modelo atende às regulamentações vigentes no Brasil.

 

KIA PICANTO Outra nota fúnebre relacionada à sétima fase do Latin NCAP foi o resultado do Kia Picanto, modelo importado da Coreia do Sul, que levou nota zero para proteção a adultos e uma estrela para proteção infantil. As notas são válidas para impacto frontal, e foram tão ruins que ele nem foi submetido ao teste de impacto lateral. A unidade avaliada não era equipada com airbags frontais, que são itens obrigatórios no Brasil. Sua estrutura foi avaliada como estável.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade