Publicidade

Estado de Minas SEDÃ LEVE E RENOVADO

New Elantra 2017 chega ao Brasil com visual renovado e bom pacote de equipamentos

Produzido na Coreia do Sul, Hyundai New Elantra 2017 chega ao Brasil com visual renovado, estrutura reforçada e bom pacote de equipamentos. Preço varia entre R$ 84.990 e R$ 114.990


postado em 09/12/2016 18:49 / atualizado em 12/12/2016 18:26

(foto: Hyundai/Divulgação)
(foto: Hyundai/Divulgação)
De Florianopolis (SC)* - A Hyundai CAOA apresentou também em Florianópolis o New Elantra 2017, o sedã médio produzido na Coreia do Sul, que desembarca no Brasil com visual renovado, estrutura reforçada e bom pacote de equipamentos. Disponível em três versões de acabamento, o modelo é equipado com motor 2.0 flex e transmissão automática de seis velocidades, que garantem bom desempenho, mas sem brilho. O New Elantra já está disponível nas concessionárias com preços a partir de R$ 84.990.

A nova geração do Elantra traz fortes atrativos para tentar conseguir um bom espaço no concorrido segmento dos sedãs médios. Para começar, o visual foi modificado, ganhando linhas mais fluidas e suaves, enfatizando a aerodinâmica, reforçada pelos vincos acentuados nas laterais. A grade frontal também passa a ter o formato hexagonal, identidade visual da marca. Os faróis de xênon são novos, assim como as lanternas traseiras, que também contam com LEDs. Um extrator de ar na parte inferior do para-choque traseiro tenta dar um aspecto esportivo ao modelo.

O novo sedã ficou maior, ganhando 40mm no comprimento total em relação ao modelo anterior, totalizando 4,57m. A carroceria foi construída com aços de ultrarresistência, que conferem melhor rigidez torcional. O interior tem acabamento de qualidade, com material emborrachado no painel, que não tem desenho dos mais modernos, mas conta com comandos bem localizados. O espaço interno é bom, mas no banco traseiro o assento não apoia bem as pernas e o espaço é ideal para duas pessoas. No meio falta o apoio de cabeça e o cinto de segurança é subabidominal.

A versão de entrada do New Elantra, denominada Base, custa R$ 84.990 e tem entre os itens de série retrovisores elétricos e aquecidos, ar-condicionado, vidros e travas elétricas, controlador de velocidade, sistema Isofix de fixação de cadeirinhas e áudio com comandos no volante. Já a versão Special Edition, por R$ 103.990, traz ar-condicionado automático dual zone, botão de partida sem chave, abertura do porta-malas por aproximação, revestimento interno em couro, central de entretenimento com tela de sete polegadas tátil com GPS e câmera de ré, sensores de estacionamento dianteiros e traseiros, airbags laterais e de cortina, banco do motorista com ajustes elétricos e sensor de chuva.

(foto: Hyundai/Divulgação)
(foto: Hyundai/Divulgação)
A versão Top, de R$ 114.990, traz todos os itens da Special Edition mais detector de ponto cego (BSD), controle eletrônico de estabilidade (ESP), assistência inteligente de farol alto (HBA), teto solar elétrico, airbag de joelhos para o motorista, retrovisores rebatíveis eletricamente e modo de seleção de condução (DMS).

(foto: Hyundai/Divulgação)
(foto: Hyundai/Divulgação)
O motor que equipa o New Elantra foi desenvolvido pela Hyundai especificamente para o Brasil, já que é flex. Trata-se do 2.0 DOHC, que tem duplo comando de válvulas continuamente variável, melhorando o desempenho e reduzindo o consumo de combustível e a emissão de poluentes. São 167cv e 20,6kgfm quando abastecido com etanol e, associado ao câmbio automático de seis marchas, proporciona bom desempenho. As acelerações não são empolgantes, mas garantem segurança nas ultrapassagens. Certamente, o carro ficaria bem mais interessante com o motor 1.6 turbo que equipa o New Tucson.

FICHA TÉCNICA

MOTOR 2.0 16V de 1.999cm³ de cilindrada, que gera 157cv (g) e 167cv (e) a 6.200rpm e torque de 19,2kgfm (g) e 20,6kgfm (e) a 4.700rpm

TRANSMISSÃO Tração dianteira, com câmbio automático de seis marchas

DIREÇÃO  Com assistência elétrica progressiva

DIMENSÕES Comprimento, 4,57m; largura, 1,80m; altura, 1,46m; entre-eixos, 2,70m

PORTA-MALAS 407 litros

(*) Jornalista viajou a convite da Hyundai/CAOA

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade